Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Cemig e Andrade Gutierrez se associam para comprar Light

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
PUBLICADO EM 16/11/05 - 23h04

RIO DE JANEIRO " Dois pólos fortes se formaram para disputar o controle da Light. De um lado, juntaramse num consórcio a construtura Andrade Gutierrez (AG), a Cemig (geradora e distribuidora de energia em Minas Gerais) e o ex-presidente da Eletrobrás José Luiz Alquéres; de outro, está o GP Investimentos.

Ontem, terminou o prazo oficial para a entrega das propostas dos interessados em comprar da estatal francesa Électricité de France (EDF) o controle ou parte da distribuidora fluminense, privatizada há nove anos. O banco de investimentos Goldman Sachs foi contratado para receber as propostas.

Nessa primeira etapa, as empresas procuraram manter sigilo sobre a entrega das propostas e seus parceiros. O GP teria apresentado sua proposta sozinho, segundo fontes do mercado. Já um participante do consórcio, que inclui outros investidores menores, disse que o interesse é comprar a totalidade das ações da Light.

A AG, que tem diversos negócios de concessões de serviços públicos como pedágio, empresa de águas e a Telemar ainda não tem os pés no setor de energia elétrica.

A diretoria da Cemig confirmou ter apresentado proposta ao Goldman Sachs, mas informou apenas que entrou em conjunto com outros parceiros sem especificar quais e que pretende participar apenas de forma minoritária.

A expectativa no mercado é de que dentro de dez dias o Goldman Sachs anuncie um grupo de pré-selecionados, que terão acesso aos dados mais confidenciais da Light. A EDF anunciou há um mês que está buscando um sócio estratégico para a Light.

O que achou deste artigo?
Fechar

Cemig e Andrade Gutierrez se associam para comprar Light
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter