Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Eleição

Candidatos em BH se armam para guerra nas redes sociais

Polarização da disputa deve levar a acirramento também na internet

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Petistas sondam criador da
Polarização da disputa deve levar a acirramento também na internet
PUBLICADO EM 19/07/12 - 22h40

As equipes de campanha dos dois principais candidatos à Prefeitura de Belo Horizonte, Marcio Lacerda (PSB) e Patrus Ananias (PT), já se preparam para uma guerra virtual. Por ser um espaço quase "sem lei" - já que não há uma regulamentação específica para a propaganda nesses ambientes -, as redes sociais serão palco de ataques e reações que poderão ser decisivos.

Do lado do prefeito, dois profissionais especializados já foram contratados exclusivamente para, a princípio, monitorar tudo o que for relativo a Lacerda e a seu adversário petista no Twitter, no Facebook e em outros espaços coletivos. Segundo um aliado próximo ao socialista, por enquanto, esse trabalho não tem o objetivo de promover ataques a Patrus.

A equipe de campanha do PSB escolheu o subsecretário estadual da Juventude, Gabriel Azevedo (PSDB), para coordenar as ações na internet. "Estamos produzindo sites oficiais, Twitter e perfis no YouTube para iniciarmos a campanha virtual de Lacerda. Será um espaço de promoção das propostas dele, sem ataques diretos a ninguém", explicou. Ontem, Azevedo se reuniu com a equipe para editar os primeiros vídeos oficiais do prefeito.

Em uma de suas primeiras agendas de campanha, o socialista demonstrou preocupação com a mobilização dos petistas na rede e pediu aos vereadores que "contra-atacassem a onda vermelha", em referência à militância do PT na internet.

A equipe de Patrus também planeja formas de aproveitar os filiados petistas para turbinar sua campanha virtual. O coordenador executivo e vice-prefeito, Roberto Carvalho, explica que já foram escolhidas as pessoas para participar das intervenções nas redes sociais. O partido também estaria negociando com o marqueteiro Pedro Guadalupe, 26, famoso por perfis e vídeos críticos ao prefeito, como os da "Turma do Lacerda".

"Estou conversando com Carvalho, que demonstrou interesse em me contratar para atuar nas redes sociais porque esse é o meu grande diferencial. Criei o ‘Turma do Lacerda’ porque sou contra a atual gestão", admitiu.

Virada. Além de apontar os pontos negativos da gestão, a meta da página de críticas ao socialista - que também tem um perfil no Facebook - era "fazer campanha indireta a Délio Malheiros (PV)". O verde era um dos mais críticos a Lacerda e, agora, é o vice na chapa do PSB. "Tirei o site do ar porque fiquei perdido com a mudança do quadro", assumiu Guadalupe, que reativou o espaço na terça-feira.

O que achou deste artigo?
Fechar

Eleição

Candidatos em BH se armam para guerra nas redes sociais
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter