Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Operação Patmos

STF também autorizou mandados de prisão contra Cunha e Funaro

Ambos já estão presos por outros crimes; no caso de conseguirem habeas corpus de soltura, o ex-deputado e o doleiro permaneceriam encarcerados

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Cunha
O ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ)
PUBLICADO EM 18/05/17 - 12h53

O Supremo Tribunal Federal (STF) autorizou a prisão do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e do operador financeiro Lucio Bolonha Funaro na operação Patmos, deflagrada nesta quinta-feira (18) em decorrência de fatos revelados na delação do empresário Joesley Batista, segundo antecipou a antecipou a Coluna do Estadão.

Os dois já estão presos por outros crimes. Na prática, os mandados expedidos nesta quinta-feira (18) pelo Supremo significam que, se conseguirem habeas corpus para serem soltos pelos crimes que motivaram suas atuais prisões, ambos permanecerão encarcerados.

Veja mais - Caso JBS

O que achou deste artigo?
Fechar

Operação Patmos

STF também autorizou mandados de prisão contra Cunha e Funaro
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter