Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Bicicletando

Aplicativo indica ciclovias no país  

Mapeamento leva em conta todas as 26 capitais e o Distrito Federal

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
BIKEUM
Ministério Público entra com ação na Justiça para barrar ciclovias em SP
PUBLICADO EM 22/07/14 - 03h00

Um aplicativo para celular pode ser mais uma ferramenta para ajudar aqueles que usam a bicicleta com o intuito de fugir dos constantes engarrafamentos de Belo Horizonte.

Desenvolvido por uma empresa de São Paulo, o Bicicletando traz como principal novidade um mapeamento das ciclovias disponíveis nas 26 capitais do país e no Distrito Federal.

O aplicativo, lançado há 45 dias no sistema operacional IOS, pode ser baixado gratuitamente e dá opção aos usuários de conhecer serviços de assistência para bicicletas e descontos na compra de acessórios por meio de bônus acumulados no uso diário da ferramenta.

O ciclista também pode interagir com o aplicativo apontando dificuldades no percurso, novos espaços para estacionar as “magrelas”, além de conhecer grupos de ciclistas que atuem nas cidades.

Maurício Topper, idealizador do projeto, destacou que o dispositivo tem como principal objetivo divulgar o uso desse meio de transporte nas grandes cidades, além de ajudar os ciclistas a se locomoverem com mais segurança. “Já temos mais de 140 mil seguidores no Facebook e sempre detectamos que quem usa a bicicleta não o faz somente pela necessidade, mas também porque esse meio de transporte ajuda na melhora da saúde e do ambiente”.

Atualmente, de acordo com o Bicicletando, 80 milhões de pessoas usam as “magrelas” em todo o país e cerca de 50% dessas têm o veículo como meio de transporte. Na capital mineira, até dezembro do ano passado, havia 60 km de ciclovias disponíveis. Segundo a Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans), já estão em implantação 21 km de vias exclusivas, principalmente nas regiões Centro-Sul, Pampulha e Venda Nova.

O comerciante Vinícius Túlio da Silva, 33, usa a “magrela” todos os dias para ir de casa ao trabalho. No trajeto do bairro Vera Cruz, na região Leste, até o Sion, na Centro-Sul, ele destacou a dificuldade para estacionar o veículo. “Muitas vezes preciso pagar para deixar minha bicicleta em estacionamento de motos porque os bicicletários quase não existem na cidade”, ponderou.

Saiba mais

Dados. Existem no Brasil cerca de 80 milhões de ciclistas. Metade deles usa a bicicleta para se deslocar de casa até o trabalho diariamente.


Perfil. Cerca de 60% das pessoas que usam a bicicleta como meio de transporte pertencem às classes C e D.


Tecnologia. Em 45 dias, 3.000 pessoas baixaram o aplicativo Bicicletando.

BHTrans. As regiões da Pampulha (38,94 km) e a Centro-Sul (17,14 km) são as que mais oferecem ciclovias na cidade. A meta da BHTrans é chegar, até o fim deste ano, a 100 km de pista exclusiva. A autarquia também criará, até dezembro, 50 novos bicicletários, que vão oferecer cem vagas. Hoje, são 52 bicicletários.

O que achou deste artigo?
Fechar

Bicicletando

Aplicativo indica ciclovias no país  
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter