Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Ação educativa

Caminhoneiros fazem exames toxicológicos em blitz no Anel Rodoviário

Motoristas participaram voluntariamente; a partir do dia 2 de março, exame passa a ser obrigatório

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
CIDADES / PORTAL :  BH , ANEL RODOVIARIO , KM 24 . BLITZ EDUCATIVO EXAMES TOXICOLOGICOS , MOTORISTA CAMINHOES . NA FOTO FOTO : JOAO GODINHO / O TEMPO 22.02.2016
Blitz começou no início da tarde FOTO : JOAO GODINHO / O TEMPO 22.02.2016
PUBLICADO EM 22/02/16 - 19h33

Uma blitz educativa com exames toxicológicos foi realizada no Anel Rodoviário, na altura do bairro Buritis, na região Oeste de Belo Horizonte, nesta segunda-feira (22). Na ação, 43 motoristas de caminhão fizeram voluntariamente o teste. A partir do dia 2 de março, o teste passa ser obrigatório para todos os profissionais de transportes de carga e transporte coletivo.

Segundo o presidente da Federação das Empresas de Transportes de Carga do Estado de Minas Gerais (Fetcemg), Vander Francisco Costa, a intenção é informar aos motoristas a importância de não usar drogas.

“Queremos detectar o percentual de motoristas que usam rebite e outras drogas. Vamos identificar os problemas e propor soluções como, por exemplo, atendimento psicológico para quem precisa. Os caminhoneiros não precisam de drogas. Eles devem entender isso”, disse o presidente.

O resultado dos exames, que podem ser feitos por fios do cabelo ou pelos do corpo, sai em cinco dias úteis. Aqueles condutores que se identificaram vão receber o laudo em casa.

O teste é capaz de detectar o uso constante de drogas como maconha, cocaína, anfetaminas e metanfetaminas, com visão retroativa mínima de 90 dias. A blitz acontece também nesta terça-feira (23), das 13h às 16h, no KM 24 do Anel, próximo à subestação da Cemig.

O que achou deste artigo?
Fechar

Ação educativa

Caminhoneiros fazem exames toxicológicos em blitz no Anel Rodoviário
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório

comentários (1)

Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter