Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Fraternidade

Local acolhe todos, com respeito às diferenças

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
PUBLICADO EM 17/05/13 - 22h55

A Comunidade Fraterna Vale da Imaculada Conceição atrai gente de toda parte. Nairdes Nascimento da Silva, 80, trabalhador da construção civil, conheceu o local há 19 anos. Ele voltou para casa, em São Paulo, reuniu a mulher e os dez filhos, e disse que queria se mudar para lá. Silva não se arrepende e fala do lugar e das aparições com ternura.


Ele testemunhou o crescimento do vale e construiu a Igreja da Sagrada Família. “As crianças me ajudaram a colocar as pedras. A imagem veio de Portugal. Abençoada por Nossa Senhora, a água que corre na gruta já curou muitas enfermidades”, diz.

Ômar Souki, 65, autor de mais de 25 livros – 14 livros com as mensagens recebidas por Marilda –, se mudou com a mulher e dois filhos para o vale. “Quando estive aqui pela primeira vez, disse que um dia viria para ficar. Estou aqui desde 2008. A maior graça tem sido ver os progressos do meu filho Igor, 14, autista. Ele se socializou, abraça as pessoas, é respeitado por todos. O vale acolhe todas as necessidades”, diz.

O que achou deste artigo?
Fechar

Fraternidade

Local acolhe todos, com respeito às diferenças
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter