Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Meninos acham agrotóxico e provocam acidente ambiental

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
PUBLICADO EM 05/11/06 - 01h00

Um acidente ambiental, na noite de quinta-feira, na Fazenda Arizona, zona rural da cidade de Córrego Dantas, a 280 km de Belo Horizonte, na região Centro-Oeste de Minas, causou a morte de 20 porcos, vários peixes e deixou a água de dois açudes e um córrego imprópria para uso.

De acordo com a Polícia Militar, o acidente teria sido causado por duas crianças de 8 e 11 anos, respectivamente e uma adolescente de 13. Os animais amanheceram mortos na manhã de sexta-feira.

Segundo o sargento Alair de Souza Rezende da 2ª Companhia de Meio Ambiente e Trânsito da cidade vizinha de Luz, as crianças teriam pego um frasco de agrotóxico organofosforado " usado no combate de pragas em plantações de café " num depósito da fazenda e colocaram na alimentação dos porcos.

A água das chuvas levou o agrotóxico para dois açudes que tiveram a água contaminada e uma grande mortandade dos peixes tilápias e traíras. O policial informou que a proprietária da fazenda Arizona está revoltada.

Alair informou que, por duas vezes, foram realizadas buscas na região próxima à casa das crianças, mas elas ainda não foram encontradas, já que ao avistarem a viatura da polícia, elas e os pais fugiram para uma mata próxima.

O sargento disse que a família vive de favor na fazenda e sobrevive de pequenos furtos já registrados pela PM.

"A situação é muito difícil porque elas vivem em extrema pobreza", afirmou. Segundo ele, quando forem localizadas, elas serão encaminhadas ao Conselho Tutelar. A Federação de Meio Ambiente (Feam) foi comunicada sobre o caso e deve realizar testes na água.

O que achou deste artigo?
Fechar

Meninos acham agrotóxico e provocam acidente ambiental
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter