Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Mobilidade

Viagens de bike superam 2.000  

Contador funciona há uma semana em BH; medição fomentará políticas públicas

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
asas
Totem contabiliza bicicletas nos dois sentidos da Bernardo Monteiro
PUBLICADO EM 08/07/16 - 03h00

A contagem de ciclistas que passam diariamente pela avenida Bernardo Monteiro esquina com Afonso Pena, no bairro Funcionários, na região Centro-Sul da capital, completa hoje sete dias. E nesta primeira semana, o número de bikes que circularam pela rota, uma ciclovia de 2,80 km, atingiu a marca de 2.021, sendo 115 só ontem, até as 16h, quando a reportagem esteve no local. A intenção da prefeitura é, a partir da medição, investir em políticas públicas destinadas a esse universo e estimular uma cidade sustentável.

“É um número muito bom se considerarmos o que BH oferece em rede de ciclovias. A tendência é de crescimento de bikes, e o poder público vai precisar investir mais”, avaliou o consultor em trânsito Osias Baptista. Segundo a Associação dos Ciclistas Urbanos de Belo Horizonte (BH em Ciclo), a média diária identificada pelo novo aparelho chega a ser 22,6% maior que a constatada pelo grupo, em contagem feita em maio deste ano. Durante 12 horas, na mesma esquina, foram contabilizadas 274 bikes – 62 a menos que o registrado pelo equipamento até as 16h de ontem, 336.

“A média é boa. Mas o parâmetro real vamos conseguir após alguns meses, já que estamos em um período de férias, o que pode diminuir a contagem. Além disso, o equipamento virou um atrativo, que pode atrair pessoas de outras rotas para ali”, avaliou Vitor Brandão, membro do BH em Ciclo.

Relembre. O equipamento foi instalado no último dia 1º pela Empresa de Transportes e Trânsito de BH (BHTrans). O contador, em formato de totem, tem um sensor que registra quem passa pelos dois sentidos da ciclovia.

A detecção é realizada por leitores magnéticos posicionados no solo. No painel, a quantidade de ciclistas é exibida em três contagens: diária, mensal e anual.

BHTrans

Balanço. A BHTrans informou que não iria comentar os dados, já que ainda não teve acesso aos números após sete dias de instalação do totem. A autarquia fará uma contagem amanhã.

Ciclistas já pedem novos aparelhos

Ciclistas que passam diariamente pela rota da avenida Bernardo Monteiro e já tiveram contato com o totem acreditam que o equipamento será melhor aproveitado se também for instalado em outros pontos da cidade.

“Seria legal uma contagem da cidade inteira. Os registros aqui, na Bernardo Monteiro, dão um parâmetro apenas da região. Locais como a Pampulha e a avenida Pedro II também deveriam contar com totens”, disse o biker entregador Abhner de Oliveira, 25.

A BHTrans informou que ainda não há previsão para a instalação de novos totens na capital. (DC)

O que achou deste artigo?
Fechar

Mobilidade

Viagens de bike superam 2.000  
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório

comentários (2)

Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter