Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Melhores de 2010

Passando a régua

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Passando a régua
PUBLICADO EM 20/12/10 - 19h35

Eleger os melhores do ano pode soar tão tradicional como o branquinho básico da virada. Mas o guia Mixsórdia (http://mixsordia.com), desde o ano passado, inova no quesito com seu prêmio. São apontados artistas, eventos e sites locais com a pegada alternativa.


O internauta vota em 14 categorias (ou nas específicas que preferir) entre as quais se destacam Na Tora, que traz iniciativas feitas na raça; Internética, reunindo sites, blogs, tumblrs e afins; Publicações on-line e Coletivo.


A pré-seleção é feita pela trinca por trás do guia cultural: o designer Marcelo Lustosa, o jornalista e DJ Daniel Silva e a jornalista Débora Fantini. "Separamos os destaques semanais que estiveram no site ao longo do ano e, para que haja coesão entre os indicados, priorizamos o que é feito em Belo Horizonte, de forma independente", explica Débora.


Mesmo o que possa soar como exceção, como um festival que possua patrocínio e tenha no line-up artistas conhecidos, precisa se enquadrar no padrão do Mixsórdia. "O Eletronika (http://www.festivaleletronika.com.br) está entre os indicados porque possui uma profunda ligação com a música que não é mainstream", afirma.


Débora Fantini reconhece que algumas categorias tiveram tanta movimentação na cena cultural da capital mineira que foi necessário um pente fino para que se chegasse ao número máximo de dez indicados. Outras, por sua vez, possuem potencial de sobra para abarcar mais nomes. "Estamos abertos a sugestão e interação de todos que leem o guia para as próximas edições do prêmio", comenta.


Os criadores do Mixsórdia são os mais interessados em ampliar esse leque, sem deixar de validar com seu selo de qualidade o que se propõe a ser fixo no calendário cultural. O Duelo de (http://duelodemcs.blogspot.com), que acontece sempre às sextas em frente à Serraria Souza Pinto, é um desses casos. Vencedor da categoria Na Tora em 2009, ele volta ao páreo em 2010. No ano passado, 3.000 internautas elegeram seus preferidos.


"A gente quer valorizar os eventos e ações culturais, combatendo aquele discurso de que não acontece nada na cena local. Embora o olhar crítico seja sempre necessário", diz a jornalista.


O que poderia parecer uma geleia geral, ficou bem interessante no quesito que a Rede de Papel considera favorito. A categoria Internética vai de moda a literatura, numa missão quase impossível de eleição.


O Binóculo (http://www.binoculo.in) combina design e moda com referências vintage de muito bom gosto. Com um staff da pesada que reúne moda e beleza, o site Gééénte (http://geeente.com.br) trata do assunto de maneira fluida e bem-humorada.


O blog Arthropophagyas (http://dastenras.wordpress.com) traz textos bem escritos. Para encher os olhos, devoluções (http://devolucoes.com.br/), e para soar bem aos ouvidos, o Fita k7 (http://fitak7podcast.net). Tem ainda Lady’s Comics (ladyscomics.com.br), um clube da luluzinha das HQs, o Meio Desligado, com foco na música indie (http:www.meiodesligado.com).


Fazendo a cabeça de quem curte a cultura pop, o blog Mongoteca (http://mongoteca.blogspot.com), o divertido tumblr O Pintinho (opintinho.tumblr.com) e o site Ocê no Samba (http://www.ocenosamba.com.br) para quem tem gingado.

O que achou deste artigo?
Fechar

Melhores de 2010

Passando a régua
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter