Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Após pressão dos ciclistas

BHTrans regulamenta entrada de bikes em ônibus da capital

Regras publicadas no texto assinado pelo presidente da BHTrans, Ramon Victor Cesar, entram em vigor imediatamente, em caráter experimental, por três meses, entre 20h30 e 5h

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Bicicleta bike na rua
BHTrans regulamenta entrada de bikes em ônibus da capital
PUBLICADO EM 13/05/16 - 12h19

Após mais de oito meses de cobrança por parte da Associação dos Ciclistas Urbanos de Belo Horizonte (BH em Ciclo), a BHTrans regulamentou a entrada de bicicletas dobráveis nos ônibus públicos convencionais e no Move a qualquer momento do dia. A entrada das bikes ganhou parecer favorável com a publicação de uma portaria no Diário Oficial do Município (DOM) nesta sexta-feira (12).

Já as bicicletas não-dobráveis, ou convencionais, só poderão entrar nos ônibus de segunda à sexta-feira entre 20h30 às 5h do dia seguinte, nos sábados a partir de 14h, e aos domingos e feriados em qualquer horário, apenas nos ônibus do Move. 

As regras publicadas no texto assinado pelo presidente da BHTrans, Ramon Victor Cesar, entram em vigor imediatamente, em caráter experimental, por três meses. Durante esse tempo a empresa que gerencia o trânsito da capital pretende estudar a reação e comportamento dos usuários do transporte. O tempo também será usado para reavaliação os critérios da regulamentação, caso necessário.

Conforme a determinação, as bicicletas dobráveis devem ter tamanho de aro de 20 polegadas ou menor e serem sempre transportadas dobradas dentro dos ônibus convencionais. Os ciclistas são orientados a usar o espaço reservado para cadeira de rodas e cão-guia, respeitando sempre a prioridade desses usuários.

Essas regras foram definidas em reunião entre a BHTrans e o grupo de trabalho Pedala BH formado por ciclistas da capital. "A publicação de hoje foi de acordo com o que havia sido acordado com a BHTrans na reunião que aconteceu na quarta-feira. Estamos participando das discussões sobre a regulamentação desde de setembro do ano passado", explicou um dos integrantes do grupo, o ciclista Vitor Brandão.

Na última terça, a associação entregou um oficio para a empresa que gerencia o trânsito da capital pedindo pela publicação da portaria com as regras definidas há oito meses. Mas os ciclistas informaram que na reunião de quarta a empresa havia sinalizado a possibilidade de estender a liberação das bikes no transporte público também para os ônibus suplementares, o que não aconteceu.

Nesta sexta, foi publicado o texto que estabelece também que o acesso das bicicletas dobráveis às estações de integração e de transferência pode ocorrer desde que os ciclistas estejam as empurrando.

"Dia de ir de bike ao trabalho"

Até então, os ciclistas da capital aguardavam a regulamentação e para pressionar a BHTrans instituíram o dia 13 de maio como o "dia de ir de bike ao trabalho".

Em sua página no Facebook, o grupo chamava a BHTrans para fazer uma revisão nas bicicletas do órgão. Além disso, a publicação pedia que as regras fossem publicadas e que a população passasse a integrar o ônibus com a bike.

Novo foco

O objetivo de promover a integração da bicicleta com os meios de transporte convencionais da capital ganha uma nova página. "Agora, vamos direcionar os trabalhos para a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU). O objetivo é que seja liberada a entrada de bicicletas nos vagões nos horários de 10h as 16h", declarou Brandão. A entrada do veículo já é permitida nos trem nos a partir de 20h30, durante a semana.

Saiba mais sobre a portaria, clicando aqui.

O que achou deste artigo?
Fechar

Após pressão dos ciclistas

BHTrans regulamenta entrada de bikes em ônibus da capital
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório

comentários (3)

Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter