Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Exigência

Motores elétricos vão ajudar na subida 

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
PUBLICADO EM 21/08/13 - 03h00

As primeiras 30 estações devem entrar em funcionamento em junho do ano que vem, pouco antes do início da Copa do Mundo. Segundo estimativa da Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans), a licitação deve ser encerrada em março e, a partir daí, a empresa vencedora terá um mês para apresentar o projeto de implantação e dois meses para iniciar a operação.

Das 360 bicicletas previstas, 60 terão que ser híbridas, com motores elétricos para ajudar os ciclistas em subidas. O prazo para que os primeiros veículos híbridos comecem a ser disponibilizados é de quatro meses após o início do funcionamento das estações.

A empresa que vencer a concorrência ficará responsável pela compra e manutenção das bicicletas, e em contrapartida, poderá explorar os espaços publicitários. Vencerá o processo quem tiver a maior pontuação, somando a nota técnica e a nota comercial. Essa segunda será formada, principalmente, pelo preço pago à BHTrans pela exploração do serviço.

A proposta comercial mínima é de R$ 427,8 mil e será dividida em prestações durante os seis anos de duração do contrato. Segundo a BHTrans, o valor arrecadado será investido em sinalização. (BM)

 

 

O que achou deste artigo?
Fechar

Exigência

Motores elétricos vão ajudar na subida 
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter

Exigência

Motores elétricos vão ajudar na subida 

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
PUBLICADO EM 21/08/13 - 03h00

As primeiras 30 estações devem entrar em funcionamento em junho do ano que vem, pouco antes do início da Copa do Mundo. Segundo estimativa da Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans), a licitação deve ser encerrada em março e, a partir daí, a empresa vencedora terá um mês para apresentar o projeto de implantação e dois meses para iniciar a operação.

Das 360 bicicletas previstas, 60 terão que ser híbridas, com motores elétricos para ajudar os ciclistas em subidas. O prazo para que os primeiros veículos híbridos comecem a ser disponibilizados é de quatro meses após o início do funcionamento das estações.

A empresa que vencer a concorrência ficará responsável pela compra e manutenção das bicicletas, e em contrapartida, poderá explorar os espaços publicitários. Vencerá o processo quem tiver a maior pontuação, somando a nota técnica e a nota comercial. Essa segunda será formada, principalmente, pelo preço pago à BHTrans pela exploração do serviço.

A proposta comercial mínima é de R$ 427,8 mil e será dividida em prestações durante os seis anos de duração do contrato. Segundo a BHTrans, o valor arrecadado será investido em sinalização. (BM)

 

 

O que achou deste artigo?
Fechar

Exigência

Motores elétricos vão ajudar na subida 
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter