O Tempo
Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Ação

Distrito industrial do Paulo Camilo será revitalizado

Um dos principais polos do Estado passará por intervenções que visam modernizar o espaço com o objetivo de melhorar a infraestrutura e o modelo de gestão do local

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Ação
Plano de propostas foi apresentado em reunião na prefeitura, na terça (19)

Veja Também

PUBLICADO EM 19/04/17 - 21h20

O Distrito Industrial do Paulo Camilo vai passar por uma ampla intervenção com o objetivo de modernizá-lo e tornar melhor o seu funcionamento. Em parceria com a Prefeitura de Betim, o governo do Estado, por meio da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig), vai revitalizar o distrito. O plano de ações foi feito em parceria com a Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg) e prevê uma série de intervenções no local. 

A proposta foi apresentada aos empresários que têm empresas no distrito do Paulo Camilo em uma reunião ocorrida na prefeitura, na terça-feira (18). Será a primeira grande ação no local desde a sua implantação, há 42 anos.

No estudo realizado pela Fiemg e pela Codemig, com apoio da prefeitura, para ouvir os empresários e verificar a situação atual do distrito para desenvolver as ações, foram propostas 31 intervenções em sete áreas distintas, que vão desde a infraestrutura e logística a processos de qualificação e modernização do espaço, passando por segurança e até a obtenção da licença ambiental do distrito.

De acordo com a diretora da Codemig, Fernanda Machado, o distrito do Paulo Camilo é um dos 19, dos 59 existentes no Estado, que serão priorizados em ações de revitalização e modernização.
“Agora que foi apresentado esse plano de ações, vamos nos reunir com os empresários e com o poder público para que se possa definir quais serão as ações prioritárias, dentre essas 31 que foram propostas, que serão implantadas primeiramente. A partir dessa definição, aí vamos estabelecer qual a responsabilidade de cada ente – Estado, prefeitura e empresários – no investimento dessas ações e o tempo em que elas serão desenvolvidas”, disse. “O distrito não é apenas um loteamento de empresas, é algo muito maior que contribui para o desenvolvimento da cidade e do Estado”, completou.

Criado há 42 anos, o distrito industrial do Paulo Camilo tem hoje mais de 30 empresas, a maioria delas ligada à indústria automobilística e ao setor de transportes e logística, e possui condições ainda da época de sua inauguração. Dividido em duas partes, são mais de 2,9 milhões de metros quadrados e que atualmente possui uma infraestrutura obsoleta e vários outros problemas que atrapalham o seu desenvolvimento e modernização.

Assim, o local vai receber uma série de intervenções importantes e necessárias para a melhoria no tráfego de veículos, por meio de recuperação das vias e das sinalizações; reforço na segurança para combater os furtos, roubos e arrombamentos e o fortalecimento da governança local, com apoio à associação dos empresários.

“Eu trabalho em empresas do distrito há 30 anos e só agora que foi feito um projeto para modernizá-lo, já que hoje o local se encontra em verdadeiro abandono. Por isso que acredito que esse momento é essencial para reposicionar um dos principais polos industriais do Estado em seu lugar de destaque”, disse Marcos Veloso, representante das empresas do distrito.
Ainda segundo ele, a infraestrutura é um dos pontos mais falhos. “Não há, por exemplo, uma drenagem nas vias, o que prejudica o tráfego de veículos. A pavimentação também é ruim. Além disso, tem a questão da falta de segurança no local, que também é uma grande preocupação. Acredito que a implantação dessas ações vai mudar a situação”, disse.

Gestão
O analista de projetos da Fiemg Carlos Magno, que fez a apresentação do plano de ações, salientou que as propostas foram divididas em sete áreas, e que uma delas é a implantação de uma governança local. “O objetivo é criar um comitê gestor com representantes das empresas e do poder público para que se possa discutir e definir as ações, mapear e cadastrar os empreendimentos para que esse grupo possa articular as necessidades”, salientou.

Para o prefeito Vittorio Medioli (PHS), a necessidade de revitalizar o distrito industrial é grande. “É preciso retomar o potencial desse distrito, para aumentar a competitividade das empresas que já estão lá e também atrair outros empreendimentos para Betim. O município não vai mais se opor ao desenvolvimento da cidade e à vinda de novas empresas, e já estamos melhorando as condições para isso acontecer”, salientou.

Segundo o secretário adjunto de Desenvolvimento Econômico de Betim, Rômulo Veneroso, o governo tem trabalhado para atrair investimentos. “É importantíssima essa revitalização e modernização do distrito do Paulo Camilo. Mas estamos também com ações para implantarmos, de verdade, o distrito do Bandeirinhas. E o governo está firmando parcerias para isso”, concluiu.

O que achou deste artigo?
Fechar

Ação

Distrito industrial do Paulo Camilo será revitalizado
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter