Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Eletronika

Noite para premiar as empoderadas da música

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
sg
PUBLICADO EM 02/12/17 - 03h00

Na última terça-feira, dia 28, em São Paulo, o Prêmio WME Awards by Vevo deu visibilidade a um assunto que explodiu em 2017, o empoderamento feminino na música. A premiação reuniu um time de peso de mulheres da música brasileira. De rainhas pioneiras, como Elza Soares, que foi merecidamente chamada de “hors-concours” por outra musa da música presente no evento, Marina Lima, até nomes que estão estourados, como Karol Conka, o WME Awards foi uma noite de muito poder.

Não é segredo pra ninguém que sou uma das organizadoras do prêmio, junto com Monique Dardenne e Fatima Pissarra, diretora da Vevo Brasil. Então, posso dizer sob o ponto de vista de quem viu de muito perto: o envolvimento das artistas e profissionais das mais diversas áreas premiadas foi tão incrível que, mais do que competir, estavam umas torcendo pelas outras. Foi uma noite que mostrou que a chave virou e que a mulher está vivendo e demonstrando uma empatia profunda umas com as outras. Alguns momentos foram especialmente tocantes, vou destacar talvez o que mais tenha me emocionado – e olha que é difícil separar só um. Foi quando Thainara OG revelou as ganhadoras do prêmio de melhor videoclipe, Pitty e Elza Soares, por “Na Pele”.

Elza, que chegou ao Cine Joia amparada por seus assessores, estava sentada na plateia ao lado de Pitty. As duas, então, em vez de agradecer, presentearam a todos com um emocionado dueto, cantando “Na Pele” por cima da gravação que rolava de fundo. “A sensação de pertencimento é muito boa. Ver tantas mulheres fazendo coisas tão importantes é uma coisa nova”, disse Pitty depois de cantar com a rainha.

A noite seguiu com discursos que exaltaram a sororidade, essa palavrinha estranha que nem o corretor do Word reconhece, mas que aos poucos está deslizando pra dentro do nosso hipotálamo. “Nós não concorremos, manas, nós nos fortalecemos”, disse a diretora de videoclipe premiada da noite, Vera Egito. Outro discurso que deu o tom da festa foi o de Patricia Palumbo, vencedora na categoria melhor radialista: “Nós não vamos só dominar o mundo, nós vamos cuidar dele. E essa é a nossa diferença”.

Enfim, foi lindo. Pra quem quiser ver (ou rever), aqui está o link da premiação na íntegra.

ERRAMOS. Na semana passada, neste espaço, cometemos uma gafe que, infelizmente, estamos todos na iminência de cometer. Toda semana, envio meus textos por e-mail, sempre dando uma olhada na caixa de enviados para ver se deu tudo certo. Mesmo depois de tantos anos de estrada, acabei enviando uma versão errada do texto, e faltou na lista de DJs da coluna em questão um bloco de texto sobre Clara Moretzsohn. O grande problema foi que a foto de Clara ilustrava a matéria, sem qualquer menção a ela. Foi mal, gente, errar é humano, tá? Para repará-lo pelo menos um pouquinho, segue o texto que devia ter saído neste espaço semana passada.

Moretz. Um dos nomes mais novos desta cena que não para de nos brindar com novidades é o da DJ Moretz aka de Clara Moretzsohn. Nem parece que faz pouco mais de um ano que ela tem conquistado destaque com sets de house pontuados por influências soulful, disco e electro, que fazem seu som caber no velho e bom escaninho de "house fina". Moretz  é residente de uma das principais festas do underground eletrônico de BH, a 101Ø, sobre a qual já falamos aqui na coluna. Nome quentíssimo pra gente ficar de olho, siga o nome Moretz pelos flyers pois é garantia que você vai dançar até os quadris pedirem arrego. Pelo menos funcionou comigo quando ouvi set gravado na 101Ø.

E FIM. Foram muitas semanas trazendo um mix de informações sobre música neste espaço. Trouxe um pouco do meu dia a dia, de assuntos que têm a ver com o meu universo, da música eletrônica, do empoderamento feminino, de shows, novos artistas, da nova cena de festas que assola este Brasil... mas é hora de dar um break. Até mais!

O que achou deste artigo?
Fechar

Noite para premiar as empoderadas da música
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter