Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Raquel Faria

Incômodo

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Fonte Normal
  • 01
    Na festa de congraçamento do Sindloc-MG, no Hard Rock Café, Mauro Ribeiro, Ana Maria Ribeiro, Leonardo Nogueira Silva, presidente do Sindloc-MG, Mariana Coelho Ribeiro, José Artur Ribeiro, Helena de Oliveira e Roberto Ribeiro
  • 04
    A advogada Luciana Nepomuceno entre os deputados estaduais Célio Moreira, Juarez Távora, Lafayette de Andrada e Gustavo Corrêa, convidados do jantar de fim de ano do Sicepot-MG
  • 02
    Márcia e Toninho da Matta, presidente da Abav-MG, anfitriões do jantar de fim de ano
PUBLICADO EM 27/12/13 - 03h00

Incômodo

O presidente do PSDB mineiro, Marcus Pestana, disse ontem a interlocutores estar “preocupado” com focos de insatisfação na base governista. Parlamentares do DEM, PR, PSD e do próprio PSDB estariam enciumados com o tratamento do Palácio Tiradentes ao deputado tucano Rodrigo de Castro, filho do secretário de Governo, Danilo de Castro. Dois nomes de peso foram arrolados entre os incomodados: Carlos Melles e Alexandre Silveira.

Repertório

Na última edição do programa “Palavra do Governador”, divulgada ontem, Anastasia faz um balanço anual em que destaca conquistas na educação. O primeiro lugar de Minas no ranking brasileiro de indicadores educacionais tem sido lembrado em todos os seus discursos, como a grande referência positiva ou marca de seu governo.

Chama fiscal

Sobre a garagem do incêndio não ter alvará, a SLU alega que a licitação não obriga a comprovação de infraestrutura na cidade pois “isso reduziria muito a concorrência”. O edital só exige que a empresa tenha estrutura e alvará “durante a prestação do serviço”. E isso, segundo a SLU, “certamente será objeto de fiscalização” da PBH.

Costura

Fernando Pimentel fez nova reunião com o PSD mineiro antes do Natal. E foi uma “boa” reunião, na avaliação de aliados do ministro. O PT já considera ter o apoio da maioria dos pessedistas no Estado.

Não creem

Boa parte dos políticos avalia que o STF não irá proibir a doação de empresas nesta eleição, preferindo postergar a votação ou vigência do veto para depois de 2014. Um grupo ainda mais numeroso aposta que a medida, se passar no Supremo, terá os seus efeitos anulados no Congresso por uma PEC já em discussão para esse fim. Muito poucos acham possível que a próxima campanha se faça sem dinheiro de empresas.

Imprevisível

Dilma se refugiou com a família no litoral baiano sem deixar pista sobre as mudanças que deverá fazer em seu ministério até março. Não há nenhuma definição, nem de nomes nem de calendário. Na verdade, a presidente tem demonstrado nas últimas semanas mais dúvidas do que certezas em relação ao assunto.

Arbitragem

O ciúme de parlamentares em relação a Rodrigo vem de longe: manifesta-se em todas as eleições desde que o pai assumiu a articulação política do governo de Minas, há 11 anos. A diferença agora, segundo comentário de Pestana, é que os atritos na base não contam mais com a arbitragem de Aécio, hoje voltado para a campanha presidencial. E sem o grande árbitro, os incômodos estariam se intensificando.

Baixo impacto

Em nota à coluna, a SLU diz que o incêndio de caminhões de lixo no domingo gerou apenas “um pequeno atraso” na coleta domiciliar na região Nordeste. O impacto do incidente teria sido minimizado pela substituição imediata dos veículos queimados. A pedido da SLU, uma firma alugou caminhões para suprir a frota atingida pelo fogo.

Autopromoção

A SLU aproveita a nota oficial para fazer seu marketing: afirma que a limpeza urbana em BH tem aprovação de 80% da população, atrás apenas do Corpo de Bombeiros. E foi o serviço mais elogiado pela Fifa durante a Copa das Confederações.

 

Embalo

Participantes do encontro com Pimentel teriam ficado especialmente impressionados com o otimismo do ministro em relação às chances eleitorais de sua candidatura ao governo de Minas.

Companheiros

José Dirceu não ficará sozinho na Papuda. Hoje em prisão domiciliar, José Genoino prefere Brasília se for cumprir pena em presídio. João Paulo Cunha também pretende ficar na capital federal. Há uma espécie de pacto entre os mensaleiros petistas.

O que achou deste artigo?
Fechar

Incômodo
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter
Falta pouco tempo para acabar
Oferta se encerra em:
0
0
:
0
0
:
0
0
01 Mini Geladeira

01 Adaptador Automotivo (12V)

01 Adaptador de energia

01 Certificado de Garantia

01 Manual de Instruções

R$ 399.90
209.90
Somente 136 peças