Recuperar Senha
Fechar
Entrar

LITERATURA

É de pequeno que se aprende

O Parque Municipal de Belo Horizonte recebe a 3ª edição do Salão do Livro Infantil e Juvenil de Minas Gerais, de 15 a 20 de agosto

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
gfhfd
Homenageada, a ilustradora Marilda Castanha terá uma exposição no Salão Literário
PUBLICADO EM 05/08/17 - 03h00
Embora oficialmente seja a 3ª edição do Salão do Livro Infantil e Juvenil de Minas Gerais, o evento, que se inicia na próxima terça-feira (15), já é um dos mais tradicionais do país no segmento – na verdade, é realizado com nomes diferentes há 17 anos. Este ano, porém, traz uma notável novidade: após várias edições na Serraria Souza Pinto, será realizado pela primeira vez no Parque Municipal Américo Renné Giannetti.
 
“O preço da Serraria estava muito alto, e acabamos nos lembrando da experiência muito bem sucedida que foi o primeiro Festival Literário Internacional (FLI-BH) em 2015, e do quanto aquele lugar combinou com livro. Eu fui uma das curadoras e foi tão gratificante ver a meninada no parque e as pessoas circulando”, explica Rosana de Mont’Alverne, presidente da Câmara Mineira do Livro, realizadora do evento.
 
A diversidade de espaços nas dependências do parque foi mais um fator que contribuiu para sua escolha como sede neste edição. “A pessoa pode sair de uma exposição num canto e ir pro teatro ver um espetáculo, uma palestra. Lá do outro lado tem um palco com um seminário, é um complexo muito diverso. Além disso, é um espaço convidativo, as pessoas vão e ficam fazendo o que chamamos de fruição da leitura, pensam, leem, batem papo”, observa.
 
A programação do evento foi pensada de modo a atingir crianças, adolescentes e adultos, com bate-papos, oficinas, seminários, apresentações artísticas, lançamentos de livros e palestras. Tudo com o objetivo de formar leitores. “Se você realmente quiser criar uma cultura literária, despertar paixão e curiosidade pela literatura, precisa oferecer acesso ao livro. É isso que estamos fazendo, para um público que está numa idade que é um trampolim e pode dar um salto. Está muito aberto, com a imaginação ávida. É nesse momento que precisamos oferecer para a criança e o jovem os instrumentos pra que eles mergulhem na arte literária”, pontua.
 
A expectativa é receber mais de 100 mil visitantes durante os seis dias de evento. Entre eles, alunos das escolas públicas e da rede municipal e estadual, que receberão vales-livro. Haverá também seminário para educadores e bibliotecários sobre formação de leitores. 
Esta edição do Salão do Livro também prestará uma homenagem à ilustradora e autora Marilda Castanha, que terá uma exposição com alguns de seus trabalhos – as imagens que fez para ilustrar o conto “Bárbara”, de Murilo Rubião (1916-1991). 
 
 
Visibilidade
 
Além de criar imagens para as histórias de outros autores, Marilda também cria as suas, às vezes sem palavras, inclusive. E, mais do que reconhecimento pessoal, ela acredita que o evento dá visibilidade para todos os ilustradores. “Para todo mundo que escolheu a imagem e não só como acessório do texto, mas também como recurso narrativo. Essa homenagem pode trazer olhares para a ilustração”, afirma.
 
Ela conta que seu vínculo sempre foi com a imagem, mas é uma leitora ávida. “Uma coisa acabou levando à outra e eu comecei a criar minhas próprias historias, afinal é possível fazer isso por meio de uma música, uma dança ou qualquer outra expressão”, diz.
 
Premiada dentro e fora do Brasil, há poucos meses recebeu o prêmio Nami Concours, no festival NamBook, na Coreia do Sul. “Um prêmio pode ser estimulante ou paralisante, pelo medo de não nos superarmos. É importante para o reconhecimento, mas quando sento na minha prancheta, eu procuro não pensar nisso”, afirma.
 
Salão do Livro Infantil e Juvenil de Minas Gerais
Parque Municipal Américo Renné Giannetti (av. Afonso Pena, 1.377, centro, 3241-2177). De 15 a 20. Quarta a sexta, das 8h30 às 20h; sábado, domingo e feriado (terça), das 9h às 20h. Entrada franca. Programação completa em www.salaodolivro.com.br 

O que achou deste artigo?
Fechar

LITERATURA

É de pequeno que se aprende
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter