Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Ibirité

'Bar de fachada' encobria tráfico de drogas

Dentro da residência do proprietário do estabelecimento, PM encontrou pinos de cocaína, munição de vários calibres, arma, dinheiro e até caderneta do comércio ilegal

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
PUBLICADO EM 13/09/17 - 09h51

Um bar era usado como fachada para a venda de drogas e munições na Avenida Pau Brasil, 450, no bairro Vila Ideal, em Ibirité, na região metropolitana de Belo Horizonte. A polícia teve várias surpresas ao vasculhar a casa do suspeito, que fica no mesmo imóvel.

A denúncia anônima chegou para a PM por volta das 23h de ontem. No local, o dono do Bar do Nêgo, identificado por Marcos Antônio Cassiano, de 34 anos, permitiu a entrada dos policiais no seu estabelecimento, que funciona na parte da frente da casa dele.

Dentro da residência, os policiais tiveram várias surpresas. Na gaveta de um guarda-roupa, que estava em um quarto dos fundos, encontraram vários pinos de cocaína e uma sacola cheia de munição de vários calibres. Em outra gaveta, acharam mais cocaína.

No segundo andar da casa, em outro quarto, os policiais acharam um revólver calibre 38 com cinco cartuchos intactos, escondido em cima de um outro armário, ao lado de uma planta.

Marcos Antônio confessou à PM que havia comprado a sacola de munições para revender. Ele também disse que estava esperando uma oportunidade para vendê-las por um bom preço.

Mas a surpresa dos policiais não parou por aí. Dentro de uma cafeteira, em cima do armário da cozinha, eles encontram dinheiro, que a PM não revelou quanto, e várias anotações do tráfico, segundo a polícia.

Marcos Antônio foi preso em flagrante e todo material apreendido. A ocorrência foi registrada na Delegacia de Plantão de Ibirité.

O que achou deste artigo?
Fechar

Ibirité

'Bar de fachada' encobria tráfico de drogas
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter