Recuperar Senha
Fechar
Entrar

NA BOCA DELE

Desafio de diretor à torcida pode render reforço de peso ao Cruzeiro

Itair Machado prometeu uma grande contratação no meio da temporada caso a Raposa chegue a marca de 100 mil sócios-torcedores

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Itair Machado
Itair Machado prometeu mais um reforço para o Cruzeiro no meio do ano
PUBLICADO EM 12/01/18 - 16h43

Até o momento sete reforços foram contratados pelo Cruzeiro. Mas um jogador de renome pode chegar à Toca no meio do ano. Pelo menos é isso que garante o vice-presidente de futebol do Cruzeiro, Itair Machado. Para que isso se torne possível, o dirigente chamou a torcida e condicionou o acerto com este nome de peso à meta estipulada de 100 mil sócios torcedores. Atualmente, 65.911 adeptos estão cadastrados no programa de fidelidade.

"Nosso grupo não está fechado nunca. Inclusive gostaria de lançar um desafio ao torcedor. Se o torcedor elevar o número de sócios, vamos fazer uma boa contratação na janela do meio do ano. Todas as contratações que fizemos no meio do ano foram elaboradas financeiramente. O torcedor quer o Ricardo Goulart, quer um grande jogador. Então precisamos de recursos. Como o mercado publicitário está ruim, precisamos do torcedor. Eu gostaria de trazer um jogador que seria um dos maiores reforços da história do Cruzeiro. Mas, para isso, precisaria de 25 milhões de reais, só de entrada, para iniciar essa negociação. Se o torcedor corresponder, um chamar o outro, vamos fazer uma contratação de muito impacto", declarou o dirigente.

Itair negou que o nome 'sonhado' seja o de Ricardo Goulart. Ele limitou-se a dizer apenas que o atleta seria a peça que traria estabilidade ao elenco do técnico Mano Menezes.

"Não é o Goulart. Até a minha contratação hoje, se eu tivesse o dinheiro, ia olhar a questão de equilíbrio. Se o Goulart viesse para o Cruzeiro, seria espetacular. Mas o Cruzeiro carece de outra posição em torneios de alto nível. Não vou revelar a peça, em respeito aos jogadores, e nem o nome. Mas no meio do ano", disse.

OUTROS PONTOS DA ENTREVISTA

ITAIR CONVOCA A TORCIDA PARA ESTREIA

"O Cruzeiro lançou uma meta interna de ter 30 mil torcedores no Mineirão. Nós já vendemos 15 mil ingressos, o setor amarelo até esgotou. Então queríamos aproveitar e pedir para o torcedor comparecer a esse jogo. Será importante para os jogadores ver de perto a força da torcida do Cruzeiro. O próprio torcedor na internet está chamado o outro para fazer sócio torcedor. A gente podia juntar essa força e todos fazerem o sócio. Como fizemos boas contratações, o custo do clube aumenta. Esse ano, com certeza, faremos de tudo para conquistar os títulos. Então precisamos do apoio do torcedor no campo".

SAÍDA DE  RAFAEL MARQUES?

"Ele tinha uma proposta da Chapecoense. Mas o Rafael Marques disse que, nesse momento, quer disputar títulos e acha que o momento não é de sair. O jogador, para sair, o clube tem que pagar o contrato todo. E o contrato todo o Cruzeiro não tem condições de pagar. O Rafael Marques é respeitado por todos, e a gente tenta um novo clube para ele". .

DÍVIDAS E RELAÇÃO COM O BMG

A gente contratou porque trabalhamos com inteligência. Uma das coisas boas que aconteceu foi que a gente procurou os atletas e eles optaram por vir para o Cruzeiro. Sobre a questão financeira, a gente explicou anteriormente. O Cruzeiro fez uma transação bancária. Banco nunca pôde ser dono de jogadores. O que aconteceu foi um mal-entendido. Não estamos preocupados se virá CBF ou Fifa.. não existe isso. O que acontece é que estão incomodados com nosso sucesso.

O que achou deste artigo?
Fechar

NA BOCA DELE

Desafio de diretor à torcida pode render reforço de peso ao Cruzeiro
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter