Recuperar Senha
Fechar
Entrar

TRIBUNAL

Léo, Mano, Edilson e Atlético serão julgados pelo TJD

Defensor pode pegar pena maior, de até 12 jogos; Lateral pode pegar gancho de até três jogos e técnico de até seis

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
ESPORTES - DO DIA - BELO HORIZONTE - MG
Problemas no clássico renderá julgamento no TJD
PUBLICADO EM 08/03/18 - 19h46

O técnico Mano Menezes, o zagueiro Léo e o lateral-direito Edilson estarão no banco do réu no TJD (Tribunal de Justiça Desportiva) na próxima terça-feira. Os três serão julgados pela Quarta Comissão Disciplinar, às 19 horas. O Atlético também será réu por copo atirado em campo,

O trio será julgado por lances que aconteceram durante o clássico de domingo, entre Atlético e Cruzeiro no estádio Independência. Mano Menezes por ter feito possível gesto referente a "roubo". O zagueiro por possível agressão ao atacante Ricardo Oliveira. Já o lateral-direito por expulsão em lance com Otero.

Léo será julgado com base no  artigo 254-A do CBJD, “Praticar agressão física durante a partida, prova ou equivalente”. O defensor pode pegar um gancho pesado, de quatro a 12 partidas.

FOTO: Reprodução/Internet
TJD
Pauta da Quarta Comissão Disciplinar do TJD

Edilson está incurso no artigo 250, “Praticar ato desleal ou hostil durante a partida, prova ou equivalente”. A punição poderá ser de um a três jogos.

Mano Menezes foi incurso no artigo 243-F, “Ofender alguém em sua honra por fato relacionado diretamente ao desporto”. A pena neste caso pode ser de multa de R$ 100 a R$ 100 mil, até a suspensão de um a seis jogos.

O Atlético está incurso no artigo 213- III, "lançamento de objetos no campo ou local da disputa do evento desportivo", que prevê pena de R$ 100 a R$ 100 mil.

O que achou deste artigo?
Fechar

TRIBUNAL

Léo, Mano, Edilson e Atlético serão julgados pelo TJD
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter