Recuperar Senha
Fechar
Entrar
Automobiminas
Quick Comunicação
21 de Agosto - Terça-feira - 20:13

Mundial de Kart

Em Kristianstad, na Suécia, piloto de 13 anos conquistou o título da OK Junior

No último fim de semana o Kartódromo de Kristianstad, na Suécia, recebeu pilotos e equipes de todas as partes do mundo para as disputas do Open do Campeonato Mundial de Kart. A exemplo do que acontece no Brasil, a pista sede de uma grande competição mundial organiza, cerca de um mês antes, uma corrida preparatória onde pilotos e equipes tem a condição de se prepararem exatamente no traçado oficial.

Vivendo uma temporada de grandes resultados no kartismo europeu o piloto brasileiro Gabriel Bortoleto (CRG | Americanet) chegou muito animado à Suécia. Após ter conquistado o terceiro lugar no Campeonato Europeu de Kart, finalizado duas semanas antes, o jovem garoto da categoria OK Junior sabia das suas possibilidades bem como de seu equipamento para uma boa atuação no Open.

Com vistas a, efetivamente, conseguir a melhor preparação para o Campeonato Mundial, que será disputado naquele kartódromo entre os dias 19 e 23 de setembro, o piloto usou das sessões de treinos livres para encontrar o melhor acerto para o seu kart CRG. Com todo o apoio da equipe oficial da fábrica italiana o jovem de São Paulo esteve sempre no Top10 dos treinos e, na tomada de tempos, registrou a sétima melhor marca.

SUPREMACIA ABSOLUTA

Chegada a hora das corridas classificatórias Bortoleto se concentrou muito e, ciente do bom equipamento que tinha em mãos, seguiu para as corridas. Com mais de 60 pilotos inscritos na sua categoria o piloto participou de cinco corridas classificatórias em que, separados em grupos, todos os pilotos se enfrentaram. Nessas provas, de forma impressionante, Gabriel conseguiu registrar as cinco vitórias e, sem perder nenhum ponto sequer, seguiu na pole-position para a corrida Pré-Final.

Tranquilo e muito focado Bortoleto fez, tanto na Pré-Final como na Final o mesmo trabalho que desenvolveu nas classificatórias. Com largadas muito determinadas e um ritmo impressionante nas primeiras voltas o brasileiro de 13 anos conseguiu abrir vantagem no começo das corridas e, na segunda parte, administrava a diferença para os demais.

Desta forma, invicto, o paulista representante da Americanet subiu ao alto do pódio na Suécia como o grande Campeão do Open do Campeonato Mundial de Kart.

“Estou realmente muito feliz com a conquista deste título. Nosso objetivo, assim como de todas as equipes, era o de preparar o equipamento e a mim mesmo nesta pista. Apesar de não ter feito uma tomada de tempos excelente, a gente sabia que o kart estava bom para as corridas. É até difícil de acreditar que eu ganhei todas as corridas, mas, as coisas foram acontecendo naturalmente. O mais importante é a tranquilidade de saber que nossa equipe tem um acerto muito bom para o Mundial o que me traz confiança para, daqui a um mês, brigar pelo principal título do kartismo no mundo”, comente de forma muito maduro o jovem brasileiro.

Foto: Divulgação | Quick Comunicação

Assessoria de Comunicação do piloto Gabriel Bortoleto
Quick Comunicação e Marketing
Jornalista Responsável: Flávio Quick

20 de Agosto - Segunda-feira - 12:06

Copa Brasil de Kart

Competição será realizada em outubro, no Kartódromo RBC Racing

A Confederação Brasileira de Automobilismo – CBA abriu nesta manhã, em seu website – www.cba.org.br - as inscrições para a 20ª edição da Copa Brasil de Kart. A competição será disputada entre os dias 8 e 13 de outubro no Kartódromo RBC Racing, na grande Belo Horizonte. A competição, uma das principais da modalidade no país, deverá receber cerca de 300 competidores com idades entre seis e 60 anos.

Farão parte das disputas da Copa Brasil as categorias Mirim, Cadete, Júnior Menor, Júnior, Novato, Graduado, CODASUR Junior, OK Internacional, Sênior “A”, Sênior “B”, Super Sênior, Super Sênior Master, F4 Graduado, F4 Sênior, F4 Super Sênior e F4 Super Sênior Master.

O kartódromo RBC Racing já recebeu em sua recente história as principais competições do kartismo esportivo do Brasil. Em 2011 a pista foi a sede do Campeonato Brasileiro de Kart; em 2012 os principais pilotos do Brasil voltaram à Grande BH para o GP Nacional; em 2014 o TOP KART Brasil e o GP Nacional de Kart movimentaram a pista e, em 2015, a pista tornou-se internacional ao receber o Campeonato Sul-Americano.

Para sediar as provas da festiva edição da Copa Brasil o RBC Racing passará por algumas reformas estruturais. Uma nova área de pré-grid está sendo construída além da readequação de salas como de imprensa, comissários e da Comissão Nacional de Kart. O Kartódromo passará ainda por uma completa repintura das zebras e faixas na pista.

Pedro Sereno, presidente da Comissão Nacional de Kart, da CBA, destacou os atributos da pista mineira. “O Kartódromo RBC Racing é uma das mais importantes e completas pistas do kartismo nacional. Seu traçado é seletivo e contempla trechos de alta velocidade com curvas muito técnicas. O circuito conta com no mínimo quatro claros pontos de ultrapassagem o que deixa as corridas muito mais dinâmicas. A expectativa é que tenhamos cerca de 300 pilotos e possamos realizar mais um evento de grande representação para o Estado”, concluiu o dirigente.

Imagem: CBA

Assessoria de Comunicação da CBA – KART
Quick Comunicação e Marketing
Jornalista Responsável: Flávio Quick

16 de Agosto - Quinta-feira - 19:17

Stock Car Light

Enzo Bortoleto, líder do Campeonato e Vinícius Margiota irão representar a equipe paulista



Duas semanas após a passagem pela cidade de Goiânia o circo da Stock Car Light chega para a sua quinta rodada dupla à charmosa cidade de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul. O Autódromo Internacional Orlando Moura, que desde 2015 estava distante do calendário, volta este ano para abrir as provas da segunda parte do Campeonato.

A equipe paulista KTF Sports (Americanet | Permabond), atual vice-líder no Campeonato por equipes, já desembarcou todo o seu equipamento e montou a estrutura que irá receber os pilotos Enzo Bortoleto e Vinícius Margiota de amanhã até o próximo domingo.

A pista da região centro-oeste do brasil conta com 3.513 metros de extensão e tem como características marcantes a alta abrasão do asfalto, bem como, um traçado bastante travado. Reunidos estes dois detalhes tornam as corridas em Campo Grande muito cerebrais.

Levando-se em conta isso a equipe que tem o líder do Campeonato em seu box estudou bastante a pista. A maior estratégia para o fim de semana será, sem dúvida, encontrar um setup perfeito para a tomada de tempos que, certamente, terá grande peso na definição do resultado final da corrida.

“Há bastante tempo eu já tive a oportunidade de treinar aqui, ainda na F3. O asfalto é muito abrasivo e acaba com os pneus. Com isso, quem não poupar nas corridas, certamente, vai ter grandes problemas. Eu vou manter o meu foco em seguir fazendo muitos pontos e, com isso, abrir ainda mais na liderança do Campeonato. Vamos trabalhar prova a prova para chegarmos com uma diferença tranquila no final do Campeonato”, comentou o Bortoleto.

Margiota, por sua vez, terá a sua primeira experiência na pista. “Estou animado em poder acelerar em mais um autódromo no país. Apear de nunca ter andado aqui me dediquei muito na preparação em simulador nas duas últimas semanas e, estou certo, vou pegar muito rápido a mão da pista e, com isso, ajudar a equipe na busca pelos pontos”.

A programação oficial da quarta etapa da Stock Light será assim:

Sexta-feira (17/08)
11:20 – 11:50 | Treino Livre 1
14:25 – 14:55 | Treino Livre 2

Sábado (18/08)
11:45 – 12:05 | Tomada de Tempos
14:25 – 15:00 | Corrida 1

Domingo (19/08)
11:40 – 12:15 | Corrida 2

Acompanhe o piloto no Instagram | @ktfsports

Fotos: Rodrigo Guimarães | KTF Sports

Assessoria de Comunicação da equipe KTF Sports
Quick Comunicação e Marketing
Jornalista Responsável: Flávio Quick

14 de Agosto - Terça-feira - 08:03

Sul-Americano de Kart - CODASUR

Organização divulgou também os números que cada competidor irá competir

Falta exatamente uma semana para o início da principal competição de kart do continente. O Campeonato Sul-Americano de Kart | Copa IAME / MG será disputado na semana que vem, entre os dias 22 e 25 de agosto no Kartódromo Velopark, no Rio Grande do Sul.

A competição, que após vários anos será disputada de forma isolada de outras disputas, já conta com 119 pilotos inscritos e, mais do que isso, grande adesão de pilotos estrangeiros como Argentinos, Uruguaios, Chilenos, dentre outros.

Seguindo o disposto no regulamento geral da competição a organização do Campeonato Sul-Americano deve determinar a numeração com que os pilotos irão competir obedecendo uma janela específica para cada classe.

Desta forma, confira abaixo a nova lista de inscritos do Campeonato Sul-Americano já com a numeração a ser utilizada por cada um dos pilotos:

SUL-AMERICANO DE KART 2018

Lista de Inscritos

Atualização: 10/08/2018

CADETE

1             1             Heitor Dall'Agnol Farias CBA – BRASIL
2             2             Murilo Vieira da Rocha  CBA – BRASIL
3             3             Heitor Democh Abitante              CBA – BRASIL
4             4             Cristián Eduardo Pastrian Ceroni              FADECH – CHILE
5             5             Gaston Irazu      ACU – URUGUAI
6             6             Ramon Ignácio Ramirez Pino      FADECH – CHILE
7             7             Agustina Sanchez Peixoto            ACU – URUGUAI
8             8             Levati Thiago     ACA – ARGENTINA
9             9             Joaquin Farias    ACU – URUGUAI
10           10           Nicolas ambiado              FADECH – CHILE
11           11           Marcelo Bensussan Ribeiro         CBA – BRASIL
12           12           Nugnes Angelo ACA – ARGENTINA
13           13           Federico Gabriel Barreto Fusi     ACU – URUGUAI
14           14           Borgert manuel ACA – ARGENTINA
15           15           Marco Dianda    ACA – ARGENTINA
16           16           Ethan Thorne Montalvan             TACP – PERU
17           17           Maximo Castro ACU – URUGUAI
18           18           Joaquín Pérez Antiga      ACU – URUGUAI
19           19           Gonzalo Molina ACU – URUGUAI
20           20           João Pedro Martins Jo   CBA – BRASIL
21           21           Fabrício André Rodrigues Filho  CBA – BRASIL
22           22           Gabriel Lucatel de Almeida Moura          CBA – BRASIL
23           23           Eduardo Palu de Araujo CBA – BRASIL
24           24           Galeano cristian               ACA – ARGENTINA
25           25           Akyu de Lara Myasava   CBA – BRASIL
26           26           Miguel Piovan Leonardi R.           CBA – BRASIL
27           27           Breno Moraes Lopes      CBA – BRASIL
28           28           Enzo Beltrão Nienkotter              CBA – BRASIL
29           29           Wagner Eduardo de Oliveira Santilli        CBA – BRASIL
30           30           Bernasconi Felipe            ACA – ARGENTINA]
31           31           Mateus Callejas de Faria               CBA - BRASIL

CODASUR

32           120         Victor Almeida  Schoma CBA – BRASIL
33           121         Andre Nicastro  CBA – BRASIL
34           122         Gabriel Paturle e silva    CBA – BRASIL
35           123         Danillo W. M. Ramalho CBA – BRASIL
36           124         Christian Fliter   CBA – BRASIL
37           125         Emiliano Sanguinetti      ACU – URUGUAI
38           126         Giovanni Ignácio Ramirez Pino   FADECH – CHILE
39           127         Pablo Falchi        ACU – URUGUAI
40           128         Nahuel Barba     ACU – URUGUAI
41           129         Gimena Buffa    ACU – URUGUAI
42           130         Dario Isidoro Vezzaro    ACA – ARGENTINA
43           131         Gustavo Adolfo Suárez Contreras            FADECH – CHILE
44           132         Lautaro Piñeiro Cecchi   ACA – ARGENTINA
45           133         Franco damian crivelli    ACA – ARGENTINA
46           134         Kevin Marco Olivares Luna          TACP – PERU
47           135         Mateo Delgado Belzold TACP – PERU
48           136         Diego Ferro Acuña Gutierrez      TACP – PERU
49           137         Sebastian Mannucci Cacho Sousa            TACP – PERU
50           138         Diego Portell Garrido     FADECH – CHILE
51           139         Facundo Nahuel Llenderoso       ACA – ARGENTINA
52           140         Lucas Tsutomu Faustino Okada CBA – BRASIL
53           141         Matías Ezequiel Fernández         ACA – ARGENTINA
54           142         Harold Watson Calle       TACP – PERU
55           143         Esteban Jose Fernandez               ACA – ARGENTINA
56           144         Pedro Michellon Goulart              CBA – BRASIL
57           145         Agustín Cejas Azpiroz     ACU – URUGUAI
58           146         Alain Michell Sisdeli        CBA – BRASIL
59           147         Christian Castro                CBA – BRASIL
60           148         Quevedo kevin ACA – ARGENTINA
61           149         Mateus Manhani Barella              CBA – BRASIL
62           150         Mathias Santiago Marquina Uyen            TACP – PERU
63           151         Fernando Gomes Croce CBA – BRASIL
64           152         Vinicius Kwong CBA – BRASIL
65           153         Gustavo de Lara Karpsak Myasava           CBA – BRASIL
66           154         João Pedro Bordin Bertoluzzi      CBA – BRASIL
67           155         Matias Nicolas Milla        ACA – ARGENTINA
68           156         Jeremias olmedo             ACA – ARGENTINA
69           157         José Luiz Muggiati Neto CBA – BRASIL
70           158         Olin vieira galli   CBA – BRASIL
71           159         Daniel Alejandro              ACU – URUGUAI
72           160         Enrico rachid de Lucca   CBA – BRASIL
73           161         José Eduardo ventre dieter         CBA – BRASIL
74           162         Bruno Bunn Smielevski CBA – BRASIL
75           163         Antonio Francesco Ventre Figlio               CBA – BRASIL
76           164         Santiago Chiarello           ACA – ARGENTINA
77           165         Felipe Baptista  CBA – BRASIL
78           166         Joao Victor Borges Matos            CBA – BRASIL
79           167         Pedro Pablo Campuzano              ACB – BOLÍVIA
80           168         André Fleck Vollmer       CBA – BRASIL
81           169         Juan Joro             FADECH – CHILE
82           170         Colapinto Franco Alejandro        ACA – ARGENTINA
83           171         Marcus Vinicius Queiroz Borges CBA - BRASIL

CODASUR Junior

84           60           Tomás Lautaro Granzella Rapettti            ACU – URUGUAI
85           61           Bernasconi Felipe            ACA – ARGENTINA
86           62           Stang Emiliano Joel         ACA – ARGENTINA
87           63           Jorge Luis Barrio               ACA – ARGENTINA
88           64           Juan Ignacio Teske Garcia            ACU – URUGUAI
89           65           Montenegro Ignácio      ACA – ARGENTINA
90           66           Francisco Javier Pérez Olarte      FADECH – CHILE
91           67           Alonso Ortega   ACA – ARGENTINA
92           68           Facundo Tomas Vitar     ACA – ARGENTINA
93           69           Maria Jose Rivas Vignes TACP – PERU
94           70           Rafael Chaves Câmara   CBA – BRASIL
95           71           Lucas Staico        CBA – BRASIL
96           72           Nicolas D B Fabris            CBA – BRASIL
97           73           Roberto Innocent Faria CBA – BRASIL
98           74           João Pedro Mendes Maia Souza               CBA – BRASIL
99           75           Gabriel Crepaldi               CBA – BRASIL
100         76           Pedro Aizza        CBA – BRASIL
101         77           Roberto Faria     CBA – BRASIL
102         78           Rafael de Moraes Dias   CBA – BRASIL
103         79           Lucas da Silva Mendes  CBA – BRASIL
104         80           Santiago nicolas               ACA – ARGENTINA
105         81           Arthur Dacorregio Silva CBA – BRASIL
106         82           Thiago Diaz         ACA – ARGENTINA
107         83           Lucas Bohdanowicz        ACA – ARGENTINA
108         84           Arthur Dale Tese Gama CBA – BRASIL
109         85           Hermida Alonso Federico            ACA – ARGENTINA
110         86           Samuel Cruz       CBA – BRASIL
111         87           Maria Eduarda Nienkotter          CBA – BRASIL

SÊNIOR

112         200         Rafael Barbarita Rodríguez          ACU – URUGUAI
113         201         Alain Michell Sisdeli        CBA – BRASIL
114         202         Nugnes Angelo CBA – BRASIL
115         203         Alessandro Xavier           CBA – BRASIL
116         204         Mateus Manhani Barella              CBA – BRASIL
117         205         Arturo De Cordova Lopez del Solar          TACP – PERU
118         206         Leonardo Teixeira Freire              CBA – BRASIL
119         207         Maximo Castro CBA – BRASIL

Imagem: Quick Comunicação

Assessoria de Comunicação da CBA | KART
Quick Comunicação e Marketing
Jornalista Responsável: Flávio Quick

09 de Agosto - Quinta-feira - 07:52

KART

Decisão vai de encontro ao alinhamento da entidade ao kartismo internacional



Desde o fim do ano de 2017 e nova gestão da Confederação Brasileira de Automobilismo, sob o comando do presidente Waldner Bernardo – Dadai e de Pedro Sereno, que comanda a Comissão Nacional de Kart, tem mostrado um sistema de gestão que visa modernizar o kartismo nacional.

Neste sentido, no processo de homologação de equipamentos realizado naquela época foram introduzidas várias marcas de chassis importado no mercado brasileiro, bem como, foram criadas as categorias Internacional OK, CODASUR e CODASUR Junior.

De forma a alinhar os regulamentos utilizados no Brasil com as especificações internacionais do kartismo a CBA anunciou nesta quinta-feira mais um importante passo nesta equalização de procedimentos. A categoria Shifter Kart, que traz às competições os velozes karts com câmbio, passará a adotar à partir de agora a mesma nomenclatura internacional, ou seja, KZ.

A mudança, que deverá ser implantada de imediato, é mais uma demonstração de que a CBA está com seus olhos voltados ao que está acontecendo no restante do mundo e, desta forma, buscando se adequar a uma unificação global de regulamentos e normas.

BENEFÍCIO ESPECIAL MARCARÁ A MUDANÇA DO NOME DA CATEGORIA

De forma a registrar este importante momento de transição, bem como, a fixação do nome da nova categoria a CBA, em conjunto com a CNK, prepararam uma verdadeira surpresa aos pilotos adeptos desta categoria.

Entre os dias 8 e 13 de outubro o Kartódromo RBC Racing, em Minas Gerais, irá receber a histórica 20ª edição da Copa Brasil de Kart. De maneira inédita a categoria KZ irá levar os karts com marcha ao evento e, de forma incentivar a participação do maior número de pilotos possível, a taxa de inscrição para a categoria KZ será gratuita, ou seja, 100% subsidiada pela CBA.

As inscrições para a 20ª Copa Brasil de Kart serão abertas no dia 20 de agosto e estarão disponíveis no site da CBA por meio do endereço eletrônico www.cba.org.br

Fotos: Bruno Gorski

Assessoria de Comunicação da CBA – KART
Quick Comunicação e Marketing
Jornalista Responsável: Flávio Quick

09 de Agosto - Quinta-feira - 07:09

Brasileiro de Kart Histórico

será realizada no próximo sábado, dia 11, na zona sul de São Paulo

A ABKARTH – Associação Brasileira de Kart Histórico, com o apoio da Confederação Brasileira de Automobilismo e da Federação Paulista de Automobilismo irá realizar o Campeonato Brasileiro de Kart Histórico. A competição terá vez no Kartódromo Ayrton Senna, em Interlagos, no próximo sábado, dia 11 de agosto.

O evento, muito além de uma competição é a celebração da história do Kart no Brasil e um gesto de apoio ao Kartódromo de Interlagos. A ABKARTH está engajada no grupo "Interlagos Hoje" na luta contra o PL 705 que prevê a privatização do complexo de Interlagos. 

A 1ª corrida de karts no Brasil foi no distante 13 de agosto de 1960. Em 2020 serão 60 anos de kart no Brasil. Ayrton Senna completaria 60 anos de idade em 2020. Com a apoio da Câmara Municipal e da Prefeitura Municipal de São Paulo, desde 2015, por meio da lei nº 16.719,  o segundo sábado de agosto é representado pelo Dia Municipal do Kart Histórico.

Os participantes da competição são colecionadores e, em sua maioria, amadores.

QUAL A DINÂMICA DA COMPETIÇÃO

Fazem parte do Brasileiro de Históricos as categorias H1 (karts fabricados entre 1956 e 1965 – advento dos Riomar Minis | deitados); H2 (karts fabricados entre 1966 e 1971 | advento dos karts com motor lateral); H3 (karts fabricados entre 1972 e 1981 | adventos dos superkarts e os de pneus largos de 6”); H4 (karts fabricados entre 1982 e 1990 | advento das carenagens (85) e regra dos 30 anos para certificação de originalidade via FBVA) e finalmente a Fast 90’s (karts fabricados entre 1991 e 1999 | advento dos motores refrigerados a água).

Serão realizadas ao todo seis corridas sendo duas de karts históricos, no sistema de regularidade e uma no sistema de velocidade. Outras duas baterias serão da categoria Fast’90’s e, finalmente, duas provas para simples demonstrações dos karts com pneus estreitos pertencentes às categorias H1 e H2.

O sistema de regularidade ABKARTH é feito por meio da aferição da menor somatória dos tempos absolutos em relação à média dos tempos das voltas. É o piloto contra ele mesmo! A cronometragem utiliza o software Elite3 da Tag-Heuer Chronelec e foi adquirido com exclusividade pela ABKARTH.

NOMES IMPORTANTES DO ESPORTE JÁ CONFIRMARAM PRESENÇA

O Brasileiro de Kart Histórico já é um verdadeiro sucesso antes mesmo de sua realização. O evento já tem presença confirmada dos três brasileiros campeões mundiais, sendo eles Augusto Ribas, Rubens Carrapatoso e Gastão Fraguas. Além deles vários ícones do esporte deverão passar por Interlagos como Waltinho Travaglini, Carol Figueiredo, os irmãos Paulo e Durval Viscardi, Maneco Combacau.

Na pista estarão presentes mais de 12 pilotos com mais de 60 anos de idade, todos campeões em suas respectivas épocas. Além disso, na categoria Fast 90’s, está confirmada a presença Danillo Ramalho, atual Campeão Brasileiro da Sênior “A”.

“Estamos muito felizes com a realização deste evento. A ABKARTH foi criada com o objetivo de manter viva a história de nosso esporte e, de forma sistemática, temos buscado isso. Queremos bater o recorde de inscritos da European Supercup, que neste ano será realizada em Genk (BEL), no mês de setembro, e terá 42 inscritos. Nossa expectativa é de que tenhamos 47 pilotos na pista” comentou Ronaldo Marques, presidente da ABKARTH.

As inscrições podem ser feitas pelo site www.abkarth.org.br e, no dia do evento, na secretaria de Kartódromo de Interlagos. Para participar os pilotos deverão pagar uma taxa de inscrição de R$ 500,00 (Quinhentos reais) e serem portadores de cédula da CBA para veículos históricos. Quem por acaso não tiver este documento a FASP estará no local emitindo este documento ao valor de R$ 100,00.

Fotos: Gilmar Rose

Assessoria de Comunicação da CBA – KART
Quick Comunicação e Marketing
Jornalista Responsável: Flávio Quick

08 de Agosto - Quarta-feira - 17:14

Campeonato Europeu de Kart

Brasileiro conseguiu se destacar dentre os mais de 130 pilotos do Campeonato



Terminou no último domingo o Campeonato Europeu de Kart. A quarta rodada do Campeonato continental teve vez no Kartódromo de Essay, na França, e contou com a participação de cerca de 300 competidores do Certame.

Competindo pela categoria OK Junior o jovem Gabriel Bortoleto (Americanet | CRG), de apenas 13 anos, teve uma atuação muito destacada desde os treinos livres. Na bateria final, competindo no limite de seu equipamento, o garoto conseguiu fazer uma prova cerebral e, com a terceira posição, acumulou os pontos necessários para deixa-lo no terceiro lugar, também, do Campeonato.

Após passar por Sarno (Itália), PFI (Inglaterra) e Ampfing (Alemanha) o fim de semana de Bortoleto, na França, foi de muita dedicação. Depois de bons treinos livres quando, junto com a equipe CRG Racing deixou o seu equipamento pronto para a tomada de tempos ele partiu para a classificação. Nesta sessão, com a marca de 46s499 ele garantiu a quarta posição geral da classificação garantindo, assim, a liderança do grupo D para as corridas classificatórias.

Foram cinco corridas classificatórias onde, o principal objetivo, era se manter entre os seis primeiros para, assim, buscar um resultado relevante na prova final. Focado em seu objetivo Bortoleto acumulou nas corridas classificatórias um 4º, um 2º, um 6º, uma vitória e outro 6º. Com 18 pontos perdidos nas cinco corridas ele se classificou para largar na quarta posição na corrida Final.

A última e decisiva prova do Campeonato Europeu foi bastante disputada. Gabriel, após boa largada, conseguiu se manter no primeiro pelotão, pulando para o segundo lugar. Num ritmo alucinante ele acompanhou, volta a volta, o líder ao mesmo tempo que era pressionado pelo terceiro colocado. Com nove voltas completadas Bortoleto acabou sendo ultrapassado caindo para terceiro. Ele ainda tentou uma reação e ficou no vácuo do segundo colocado por duas voltas, mas, com os pneus mais desgastados o seu kart já não apresentava o mesmo rendimento. Assim, extraindo o máximo de seu equipamento, o piloto do kart #202 seguiu em terceiro até a bandeirada final.

“Estou bastante feliz por levar a Bandeira do Brasil, novamente, para o pódio aqui na Europa. Meu kart esteve muito bom durante todo o fim de semana, mas, nesta bateria final, perdemos um pouco de rendimento na segunda metade da corrida e, com isso, não consegui lutar pela vitória. Quero agradecer muito à CRG, à minha família e ao Francesco, que é como se fosse meu segundo pai aqui na Europa. Foi uma preparação excelente para o Campeonato Europeu, que será realizado no mês que vem, na Suécia”, concluiu o garoto de apenas 13 anos.

Acompanhe o piloto no Instagram | @gabrielbortoleto_

Fotos: Divulgação | Quick Comunicação

Assessoria de Comunicação do piloto Gabriel Bortoleto
Quick Comunicação e Marketing
Jornalista Responsável: Flávio Quick

08 de Agosto - Quarta-feira - 10:44

Sul-Americano de Kart

Organização do evento liberou a compra de pneus de chuva

 

Entre os dias 22 e 25 de agosto o Kartódromo Velopark, no Rio Grande do Sul, irá receber as disputas do Campeonato Sul-Americano de Kart. A principal competição da modalidade no continente irá receber mais de 100 pilotos de diferentes nacionalidades.

Junto à programação do Sul-Americano está prevista a realização do I Troféu das Américas de Kart. Esta competição irá contemplas a participação das categorias F4 Graduado, F4 Sênior além de uma apresentação da categoria Cadete Swift, que utiliza motores 2 tempos de 65 cilindradas.

De forma a incentivar a maior participação de pilotos nesta competição paralela a CODASUR, em conjunto com a CBA, anunciou nesta manhã um benefício que irá reduzir de forma considerável o custo dos pilotos das categorias F4.

Todos os pilotos inscritos estarão isentos da compra obrigatória dos pneus de chuva. Esta medida irá reduzir em R$ 780,00 o custo final do piloto representando, efetivamente, uma economia considerável no orçamento total da competição. Vale ressaltar que, independente disso, os pilotos deverão depositar no parque fechado um jogo de pneus de chuva, usados ou não, que passarão inicialmente por uma vistoria dos Comissários Técnicos, bem como, da análise química dos compostos utilizando o novo equipamento Mini Rae, adquirido recentemente pela CBA.

As inscrições para o Troféu das Américas de Kart estão abertas e seguem com preços promocionais. Acesse cba.org.br e cadastre-se para a mais importante competição do contiente.

Assessoria de Comunicação da CBA – Kart
Quick Comunicação e Marketing
Jornalista Responsável: Flávio Quick

08 de Agosto - Quarta-feira - 08:02

Copa SP Light de Kart

Categoria Graduado passará a utilizar os novos propulsores já na próxima etapa

A Copa São Paulo Light de Kart vive em 2018 a sua 16ª temporada. Em uma história marcada pela inovação a RBC Motorsport e o Departamento de Kart da FASP se adiantaram aos demais campeonatos estaduais do país e, de maneira pioneira, irão implantar na competição os novos motores IAME X30 CODASUR.

Os motores italianos chegaram ao Brasil no fim do mês de junho e foram utilizados originalmente no Campeonato Brasileiro. O sucesso foi inconteste e nada menos que 71 pilotos foram para a pista e atestaram a velocidade e confiabilidade do novo equipamento que desenvolve 175cc em 45 hp’s de potência.

Na Copa São Paulo Light os motores serão introduzidos, incialmente, na categoria Graduado. De forma a ampliar a experiência dos competidores com o novo equipamento a RBC Motorsport irá fornecer o propulsor para utilização nos dois treinos livres de sexta-feira além das atividades normais de tomada de tempo e duas baterias. O piloto receberá da organização o motor e o escapamento originais ficando a cargo da equipe, assim, apenas encontrar o melhor carburador.

Para marcar este novo momento do Light o Departamento de Kart da FASP e a RBC criaram um sistema de pontuação paralela dentro Campeonato. Somente para a categoria Graduado será criada a Taça CODASUR de Kart que irá contemplar as corridas de agosto, setembro, outubro, novembro e dezembro.

As inscrições para a sexta rodada da Copa São Paulo Light de Kart já estão abertas. Basta enviar e-mail para imc@interlagosmotorclube.com.br solicitando todos os detalhes, bem como, a reserva de número.

“Estamos muito feliz em implantar no Light a mais nova tecnologia em motores dois tempos. No Campeonato Brasileiro, na reta dos boxes da Granja, os karts atingiram 122 km/h. Acredito que os pilotos do Light irão gostar muito da novidade e, sobretudo, estarão participando de um novo momento de nosso kartismo”, analisou Rafael Cançado, diretor da RBC.

Imagem: IAME | RBC Motorsport

Assessoria de Comunicação da RBC Motorsport
Quick Comunicação e Marketing
Jornalista Responsável: Flávio Quick

05 de Agosto - Domingo - 15:35

Stock Car Light

Vinícius Margiotta terminou a segunda prova de Goiânia em 10º, Enzo Bortoleto abandonou

Terminou neste domingo (5) a quarta rodada do Campeonato Brasileiro de Stock Car Light. A categoria de acesso à Stock Car levou 25 pilotos ao grid no Autódromo de Goiânia. A equipe paulista KTF Sports, após um comemorado segundo lugar na prova de ontem, com Enzo Borotoleto, neste domingo voltou a figurar entre os times de destaque colocando Vinícius Margiota no décimo lugar.

As posições de largada para a corrida de hoje foram determinadas pelas posições de largada da prova de ontem. Enzo partiu do nono lugar e Vinícius, do 13º. Respectivamente na quinta e na sétima fila os pilotos da equipe paulista estavam confiantes em uma prova de recuperação.

Após uma largada tranquila os carros partiram para os trinta minutos de corrida. Ainda na primeira volta Enzo posicionou-se muito bem e já ganhava uma posição enquanto Vinícius, também com uma postura agressiva, dava início ao trabalho de recuperar espaço. Ambos procuravam evoluir suas estratégias, mas, com quatro voltas o carro de segurança teve de entrar na pista. Naturalmente o pelotão foi realinhado e, na relargada, os dois pilotos da equipe mostraram muita ação ganhando posições. A prova seguia bem a estratégia de pit-stop da KTF estava armada quando, exatamente no momento dos pilotos entrarem nos boxes, uma nova entrada do carro de segurança obrigou aos pilotos a mudarem de estratégia.

Após quatro voltas o safety-car deixou a pista e, somente após isso, ambos os pilotos do time conseguiram retornar ao traçado. Enzo a esta altura já era o sexto colocado enquanto que Margiota, era o décimo. Enzo vinha numa enérgica disputa pelo quinto lugar, mas, acabou sendo acertado em cheio pelo carro de um concorrente. Neste momento, porém, existia um outro concorrente que ele estava ultrapassando que, deste modo, acabou servindo de suporte para que o carro #85 não rodasse. Foram duas batidas fortes, mas, Bortoleto seguiu na pista. As voltas se seguiram e, a cinco giros para o fim, com uma quebra ocasionada exatamente pelo toque anterior, Bortoleto foi obrigado a abandonar a corrida. Margiota, por sua vez, seguiu firme em suas disputas e, ao final da prova, recebeu a bandeirada no 10º lugar.

“Este fim de semana foi a minha estreia pela equipe. Estou bem feliz porque o carro é muito bom e me deu confiança para acelerar. Acho que nas próximas etapas, com mais entrosamento, poderemos ir muito melhor”, comentou Vinícius. Enzo, por sua vez, não escondeu sua frustração. “Eu sou o líder do Campeonato e, naturalmente, tenho que buscar o maior número de pontos no fim de semana. Ontem foi muito bom com o segundo lugar, mas, hoje, acredito que tínhamos chances reais de terminar no entre os cinco, mas, infelizmente uma batida acabou me atrapalhando os planos. Acontece, são coisas de corrida. Seguimos com mais de 20 pontos de diferença no Campeonato e vamos com muita determinação em busca deste título”, comentou o piloto de 19 anos.

Acompanhe a equipe no Instagram | @ktfsports

Fotos: Rodrigo Guimarães | Quick Comunicação

Assessoria de Comunicação da equipe KTF Sports
Quick Comunicação e Marketing
Jornalista Responsável: Flávio Quick