Recuperar Senha
Fechar
Entrar
Automobiminas
Quick Comunicação
20 de Agosto - Sexta-feira - 18:11

A cada finalização de uma etapa do 18º Rally Internacional dos Sertões, a Lana Racing supera suas expectativas. Nesta quinta-feira, dia 19, a dupla da Pajero TR4-R número 359 cumpriu os 452 quilômetros da especial 9 e chegou na 4ª colocação na categoria Production T2. Mesmo em mais um dia de rali disputadíssimo e com imprevistos, Mar¬co Túlio Lana e Leonardo Magalhães cumpriram o principal objetivo: “Viemos numa tocada cautelosa para completar a prova de hoje. Depois da batida de ontem, o carro voltou pro rali bem acertado e sem nenhum problema. Foi um trecho com muita areia, pedras e conseguimos andar mais rápido em alguns pontos, até um pneu furar. Perdemos tempo na troca, fomos ultrapassados, mas conseguimos segurar um bom tempo”, detalha o navegador Leo Maga¬lhães.

 

A edição 2010 do segundo maior rali do mundo chega ao fim nesta sexta-feira, dia 19. Sem almejar posições de pon¬ta no começo de tudo e com o foco de completar as especiais até Fortaleza/CE, onde será a chegada final, a equipe de Divinópolis ainda tem chances de ficar entre as três melhores da Production T2, mas nada de mudar muito a es¬tratégia para se garantir mais: “A diferença para o terceiro colocado é longa, mas não se sabe o que pode acontecer em um Sertões. Vamos só administrar e ir na mesma tocada, pois será uma especial curta. Nosso saldo até agora está ótimo, pois só tínhamos em mente completar o Sertões. Estamos indo melhor do que o esperado. O carro está bem resistente e vamos torcer pra que tudo continue dando certo”, afirma o piloto Marco. Pelo acumulado, a Lana Racing está na 5ª posição, 2h12min8s atrás do 3º colocado.

 

Centenas de competidores aguardam ansiosamente pelo último trecho, que será técnico, com velocidades médias e altas, partes sinuosas, zonas de radar e deslocamento pela praia. Depois disso, estrada de asfalto, até chegarem ao Beach Park. Serão os 390 quilômetros finais, sendo 107 da especial e 283 de deslocamentos.

 

Veja como foi a Lana Racing nos resultados desta quinta-feira e como ficou o acumulado (extra-oficiais):

Resultados 9ª etapa

 

T2 Carros

 

1º) Rodrigo Meinberg / Luis Felipe Eckel – 3h59min57s

2º) Vitor Fischer / Daniel Queiroz – 4h6min13s

3º) Leandro Torres / Luis Henrique Arena – 4h32min15s

4º) Marco Túlio Lana / Leonardo Magalhães – 4h33min37s

 

Acumulado após nove etapas

 

T2 Carros

1º) Vitor Fischer / Daniel Queiroz – 28h50min17s

2º) Ivan Terni / Fausto Dallape – 31h40min51s

3º) Rodrigo Meinberg / Luis Felipe Eckel – 32h4min25s

4º) William van Hees / Doris va Hees  - 34h32min37s

5º) Marco Túlio Lana / Leonardo Magalhães – 34h44min33s

 

Leia as notícias da equipe pelo site www.marcotuliolana.com.br.

 

A equipe Lana Racing tem o patrocínio de: Andrade Têxtil, Diamond House e Prime Pneus BF Goodrich. Apoio: Pre¬feitura de Divinópolis, TKF Artigos Esportivos, Infoex, Coca-Cola, Revista Planeta Off Road, Transcapuxin e Evidên¬cia Brindes.

 

Por: Caroline de Paula / AcelerAção Assessoria de Imprensa

20 de Agosto - Sexta-feira - 18:05

Autódromo José Carlos Pace Interlagos recebeu a 7ª etapa da Copa Accelera Telecom de Marcas e Pilotos

A 7ª Etapa do Campeonato Copa Accelera Telecom de Marcas & Pilotos foi nesse final de semana, dias 14 e 15 de agosto. E aconteceu de tudo um pouco.

A dupla fera da competição, Wanderson Freitas e Edgard Amaral, fizeram o publico reter o fôlego em várias disputas alucinantes.

Na primeira bateria, Wanderson que largou em terceiro lugar tendo a sua frente nada mais nada menos que dois ases do volante: Cláudio Roscoe e Oswaldo Fragnani, que não têm medo de pilotar e não conhecem o pedal do meio, o pé deles só tem acesso ao pedal do lado direito. E dá-lhe motor.

As esposas que ficam na torcida, às vezes nem querem olhar o que aqueles meninos fazem na pista. Mas no fundo elas sabem que os garotos sabem muito bem o que fazem. A experiência de muito treino, de escola de pilotagem, de bagagem no ato de acelerar, todos eles tem de sobra, então a disputa é gratificante para quem participa na pista e para quem fica de fora torcendo por eles.

Um verdadeiro espetáculo de direção. O jovem mineirinho vem e vem acelerando e ultrapassando seus concorrentes de forma limpa e eletrizante. Com ousadia conquistou a primeira posição na terceira volta, na nona volta em uma manobra arriscada de Claudio Roscoe na freada do lago ao tentar uma ultrapassagem, Wanderson Freitas e Claudio Roscoe perderam um pouco a tangencia da curva. Aproveitando disso Aleandro Fortunato que estava em terceiro, em uma bela manobra ultrapassou os dois pilotos, mas na mesma volta Claudio retoma a primeira posição no laranja e Wanderson Freitas a segunda posição, mais uma vez Wanderson e Claudio trocam de posição na curva da junção e Wanderson Freitas sobe ao lugar mais alto do pódio seguido de Claudio Roscoe e Aleandro Fortunato.

                           

Wanderson é tão respeitado entre os pilotos e equipes que todos vieram cumprimentá-lo pela bela prova. Mesmo sabendo que provavelmente a dupla do gol 27 conquiste novamente o campeonato de Marcas & Pilotos na categoria Super, a festa foi contagiante entre todos.

Na segunda bateria, o bólido agora pilotado pelo veterano tetra campeão, piloto Edgard Amaral, que está em busca do Penta, largou em sexto, pois o grid é invertido, o que não é problema para o piloto que acelera muito, na quarta volta logo após uma ultrapassagem invejável, onde Edgard Amaral Ultrapassou Fragnani e Gallian de uma só vez na freada do lago, assumindo a primeira posição, mas infelizmente na mesma volta quebrou a ponta de eixo traseiro perdendo a roda e abandonando a prova.

 

                     

 

Agora teremos um recesso para obras no Autódromo, reformas exigidas pela FIA, que em novembro estará supervisionando a etapa da Fórmula 1 no Brasil.

All Racing Assessoria e Divulgação

20 de Agosto - Sexta-feira - 13:13

Neste sábado e domingo, dias 21 e 22 de agosto, a equipe BF Racing (BNY Mellon/ FIRB/ Revista RI/ IBRI/ ExpoMoney/ Locarcity) voltará ao cenário das competições para a disputa da Copa Sudeste e o Campeonato Mineiro de Kart. No Kartódromo Emerson Fittipaldi, em Ipatinga, região do Vale do Aço, o time será representado por Bruno Fusaro, na classe Master Super.

Neste domingo, além das disputas do kart, a cidade de Ipatinga também receberá a rodada do Campeonato Brasileiro de Futebol, com o jogo Cruzeiro e Vitória que, por sua vez, será disputado no Estádio Ipatingão, as seis e meia da tarde. Sendo assim, neste dia a cidade irá se tornar a capital mineira dos esportes e todos os holofotes estarão apontados para as duas importantes competições.

Fusaro, experiente piloto da equipe, já conquistou nesta temporada o GP Brasil de Kart e venceu, de forma convincente, as duas corridas válidas pela terceira e quarta etapas do Mineiro. As disputas deste final de semana, porém, terão representatividade maior uma vez que valerão pontos também para a Copa Sudeste de Kart.

Animado com o bom momento do time, Fusaro e a equipe técnica da BF Racing, chefiada pelo preparador Davi de Oliveira, estiveram no último final de semana na pista de Ipatinga onde passaram por dois dias de intensos treinamentos e preparação do equipamento para a rodada dupla desta semana.

"Estamos muito animados com os tempos que conseguimos virar na pista de Ipatinga no último final de semana. Depois de bastante trabalho chegamos a um bom acerto para o kart e o que nos resta neste momento é esperar um bom motor sorteado para que possamos brigar por mais duas vitórias e, deste modo, entrar de vez na briga pelas primeiras posições do Campeonato", explicou o piloto do time.

A programação oficial da rodada terá início neste sábado, com o sorteio dos motores. Devido ao novo cronograma de provas adotado pela Federação Mineira de Automobilismo - FMA a categoria Master Super desenvolverá todas as suas atividades no período da tarde. Assim, no sábado a tomada de tempos será disputada as duas e meia da tarde e, a primeira corrida, às três e meia. No domingo, a segunda e última bateria da rodada tem seu horário previsto para as 12:20h.

Foto: Flávio Quick

19 de Agosto - Quinta-feira - 16:25

         

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mesmo com um imprevisto no deslocamento final, Marco Túlio Lana e Leonardo Magalhães conseguiram completar a especial 8 nesta quinta-feira, dia 18, que saiu de Balsas/MA e chegou em Teresina/PI. A dupla mineira completou com sucesso o trecho cronometrado de 183 quilômetros de muitas estradas rápidas e saltos. Porém no deslocamen¬to final uma surpresa: a equipe bateu a Pajero TR4-R ao entrar com o carro em uma erosão, mas conseguiram che¬gar ao Parque Fechado. “O trecho de hoje foi muito bom, rápido e técnico, como eu e o Leo gostamos e por isso chegamos em uma boa posição. Apesar do imprevisto no deslocamento, os mecânicos dão conta de trabalhar du¬rante a noite e deixar o carro pronto para a largada desta quinta-feira, dia 19”, afirma o piloto Marco Túlio Lana.

 

Com oito etapas concluídas, a Lana Racing subiu uma colocação e agora está em 5º lugar no acumulado. A estraté¬gia final vem dando certo e a equipe de Minas Gerais está confiante para buscar o pódio: “Vamos adotar a mesma postura até o fim, de ir num ritmo mais forte quando o trecho der essa oportunidade e ter cautela quando ficar mais apertado, como em partes de trial. Não é impossível chegar entre os três primeiros da T2, mas nosso objetivo ainda é primeiro de completar todas as especiais e, quem sabe, subir no pódio”, completa Marco Túlio.

 

De Teresina/PI, as equipes partem nesta quinta-feira, dia 19, rumo a Sobral/CE, na penúltima prova. A etapa 9 terá 452 quilômetros, sendo que 245 contam tempo no rali e o restante faz parte de deslocamentos.

 

Acompanhe os resultados desta quarta-feira e acumulado (extra-oficiais):

 

Resultados 8ª etapa

 

T2 Carros

 

1º) Ivan Terni / Fausto Dallape – 2h32min22s

2º) Marco Túlio Lana / Leonardo Magalhães – 2h33min57s

3º) Vitor Fischer / Daniel Queiroz – 2h35min33s

 

Acumulado após oito etapas

 

T2 Carros

 

1º) Vitor Fischer / Daniel Queiroz – 24h44min3s

2º) Ivan Terni / Fausto Dallape – 26h55min32s

3º) William van Hees / Doris va Hees  - 28h02min37s

4º) Rodrigo Meinberg / Luis Felipe Eckel – 28h04min28s

5º) Marco Túlio Lana / Leonardo Magalhães – 30h10min46s

 

 

Leia as notícias da equipe pelo site www.marcotuliolana.com.br.

 

A equipe Lana Racing tem o patrocínio de: Andrade Têxtil, Diamond House e Prime Pneus BF Goodrich. Apoio: Pre¬feitura de Divinópolis, TKF Artigos Esportivos, Infoex, Coca-Cola, Revista Planeta Off Road, Transcapuxin e Evidên¬cia Brindes.

 

Por: Caroline de Paula / AcelerAção Assessoria de Imprensa

19 de Agosto - Quinta-feira - 16:18

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O rali de regularidade consiste em piloto e navegador obedecerem o que manda a planilha, em um tempo esti­mado e programado pela organização da prova. Vence o que errar menos e acertar o máximo de PC’s (postos de controle). Ou seja, ser o mais veloz aqui não adianta em nada. Mas geralmente as planilhas são entregues momentos antes da largada e desta vez o Jeep Clube Minas Gerais (JCMG) vai matar um pouco a curiosidade dos competidores da Copa Mineira de Rally de Regularidade. Pela primeira vez, a diretoria do JCMG divulgou o mapa da prova antes da largada. Pará de Minas, na região central, foi a contemplada com a surpresa, onde se­rá realizada a 4ª etapa, no dia 21 de agosto.

Segundo a imagem, balaio é o que mais tem no percurso. O presidente do JCMG, Ugo Bubani, levantou um ro­teiro com 96 quilômetros de trechos cronometrados para as categorias Super Master, Master e Sênior. Já a Tu­rismo, voltada para os veículos 4x4 e 4x2 com características off road, terá 83 quilômetros. A prova vai durar em torno de 3h30min a 4h, dependendo da categoria. No caminho, as dificuldades que todo jipeiro gosta: “Nesta prova teremos lama, água, erosões e médias de velocidades altas em meio às plantações de eucalipto. Os na­vegadores terão mais trabalho desta vez”, confirma Ugo Bubani.

As inscrições ainda estão abertas e podem ser feitas pelo site www.jeepclubeminasgerais.com.br. Os valores variam de R$ 100,00 a R$ 200,00, incluso o seguro individual.

Divulgação

 

 

Como em todas as etapas da Copa Mineira 2010 até agora, diversos veículos de comunicação estão divulgando o campeonato e ajudando a popularizar ainda mais essa modalidade dos esportes a motor. Além dos impres­sos, emissoras de TV e sites locais e nacionais especializados, as rádios Stilo FM (Pará de Minas) e 94,5 FM (Divinópolis) têm ganhado destaque. Essas empresas fecharam parceria com o Jeep Clube Minas Gerais para as etapas da região Centro-Oeste, onde seus ouvintes saem ganhando, com informações diárias sobre esse esporte tão conhecido em todo o Estado.

 

 

 

Acompanhe a programação oficial da 4ª etapa da Copa Mineira de Rally de Regularidade, em Pará de Minas:

 

 

- Sexta-feira, 20 de agosto

 

18h – Abertura da secretaria de prova e vistoria técnica (Local: Choperia Avenida – Av. Presidente Vargas, 445)

 

21h – Briefing

 

23h – Encerramento das atividades

- Sábado, 21 de agosto

 

9h – Largada (Local: Choperia Avenida – Av. Presidente Vargas, 445 - Centro)

 

13h30 – Chegada do primeiro carro

 

17h – Divulgação dos resultados

 

18h – Premiação

 

Hotel oficial: Gran Lord Hotel (Rua Benedito Valadares, 508 – Centro). Telefone: (37) 3232-1700.

A Copa Mineira de Rally de Regularidade tem o patrocínio da Prime Pneus, BF Goodrich, Estrada Real-Troller, SP Imports, HBA Tecnologia, Petrolub Industrial de Lubrificantes e Instituto Oksigeno. Apoio: Prefeitura de Pará de Minas, Associação Empresarial de Pará de Minas e rádios Stilo FM e 94,5 FM. Realização: Jeep Clube de Minas Gerais e FMA – Federação Mineira de Automobilismo.

 

Por: Caroline de Paula / AcelerAção Assessoria de Imprensa

 

18 de Agosto - Quarta-feira - 15:02

No ano de 2009 a Federação Mineira de Automobilismo e as federações do Rio de Janeiro e Espírito Santo se uniram para realizar uma competição interestadual que foi batizada por Copa Sudeste de Kart.

Já em sua primeira temporada o evento teve uma grande aceitação e reuniu em suas provas uma média superior a 50 pilotos, o que motivou as entidades a reeditarem a competição em 2010.

Nos dias 12 e 13 de junho o Kartódromo de Volta Redonda, no interior do Rio de Janeiro, sediou a primeira rodada do ano. Com as corridas válidas pela primeira e segunda etapas, 65 pilotos estiveram na pista e brigaram muito pelas vitórias.

Passados exatos 60 dias a Copa Sudeste volta à cena do kartismo. Desta vez a cidade de Ipatinga, no interior de Minas Gerais, será o palco das disputas da segunda rodada. O Kartódromo Emerson Fittipaldi, inaugurado no início da década de 80, já passou por algumas reformas e mantém as principais características de um circuito muito técnico e desafiador.

Fazem parte das disputas da Copa Sudeste 2010 as categorias: Mirim (Pilotos de seis a oito anos – PMK), Cadete (Pilotos de oito a dez anos – PCK), Júnior (Pilotos de 11 a 14 anos – PJMK e PJK), Sprinter (Pilotos de 15 a 24 anos – PNK e PGK), Master (Pilotos com 25 anos ou mais – PSK “A” e “B”) e F-400 (Pilotos com 14 anos ou mais – PJMK, PJK, PNK, PGK, PSK-A e PSK-B).

Assim como aconteceu no ano passado as corridas da Copa Sudeste serão coincidentes com etapas de cada um dos Campeonatos Estaduais sedes das corridas. Desta forma, as provas deste final de semana serão válidas como terceira e quarta etapas da Copa Sudeste e, quinta e sexta etapas do Mineiro de Kart 2010.

As inscrições serão efetuadas na secretaria do Kartódromo Emerson Fittipaldi, nos dias 19 e 21 de agosto, até as dez da manhã. A pista estará aberta para treinos livres a partir desta quinta-feira. No sábado, após o sorteio de motores, todas as classes participaram de um rápido aquecimento seguido pelas tomadas de tempos e as disputas das primeiras baterias. Na manhã de domingo, por fim, serão disputadas as provas finais do evento.

HOTEL OFICIAL DA PROVA: Century Park – Reservas: 31-3801-6600 – e-mail: reservas@redecentury.com.brwww.redecentury.com.br – Tarifa acordo KCI – diária apartamento luxo com café da manhã incluso: R$ 118,00 (solteiro) – R$ 135,00 (Duplo); R$ 155,00 (Triplo) – mais taxa de serviço de 3% – Aceita  todos os cartões de crédito e débito.

Todas as informações, regulamento geral, adendos, horários completos e classificação poderão ser acessados no site da Federação Mineira de Automobilismo através do endereço www.fma.com.br.

Foto: Flávio Quick – A classe F400 será uma das classes na disputa desta etapa.

16 de Agosto - Segunda-feira - 17:22

                              

 

O 18º Rally Internacional dos Sertões chegou à sua metade, num dos dias mais difíceis para a Lana Ra¬cing. A etapa 5, ainda no Tocantins, que saiu de Dianápolis e chegou a Palmas, teve 455 quilômetros, sen¬do 209 de trecho cronometrado onde a dupla mineira superou as dificuldades e poupou a Pajero TR4-R: “A prova começou rápida, com piso liso, do jeito que eu gosto, mas depois entramos numa parte mais técnica, com trial e muitas pedras. Tivemos que reduzir o ritmo para poupar o carro e completar a especial. E con¬seguimos! A TR vai passar por revisão básica, como troca de óleo, pois nossa meta era de deixar ela pron¬ta para o Jalapão, onde será a maratona”, detalha o piloto Marco Túlio Lana. Ele e o navegador Leonardo Magalhães chegaram em 6º lugar na categoria Production T2.

 

O trecho deste domingo também foi de sucesso para a Lana Racing no uso do GPS para navegação. Para um estreante de Sertões, tudo está dentro do esperado até agora: “As expectativas eram essas, de que nada grave fosse ocorrer. Claro que tive receio de surgir algum imprevisto mais forte, mas não, tudo tran¬qüilo. Hoje o trecho foi mais complexo, com as referências muito próximas, mas acertamos todas. Agora é descansar para o Jalapão”, declara Leo Magalhães.

 

Maratona

 

A parte mais temida do 18º Rally Internacional dos Sertões será nesta segunda-feira, dia 16. Todos os competidores enfrentarão 439km de rali, sendo que destes 330km serão da especial 6. A prova vai passar pelo Parque Estadual do Jalapão, que tem cerca de 150 mil hectares, com vegetação típica de cerrado. A 6ª especial vai sair de Palmas e tem chegada em São Félix do Tocantins.

 

A principal regra a ser cumprida pelos competidores na maratona é a de não terem apoio mecânico até o dia seguinte da prova, ou seja, só terão apoio na terça-feira, dia 17. A estratégia da Lana Racing está sen¬do mantida: “Muita gente bateu forte e teve problemas com seus carros antes da maratona. Nosso objetivo era o de cumprir todas as especiais, apertar o ritmo sem trazer danos ao nosso carro para cumprir a mara¬tona. Só vamos aumentar mais a tocada a partir da terça-feira”, afirma Marco Túlio Lana.

 

Veja como foram os resultados deste domingo (extra-oficiais):

 

Resultados 5ª etapa

 

T2 Carros

 

1º) Rodrigo Meinberg / Luis Felipe Eckel – 3h2min8s

2º) Vitor Fischer / Daniel Queiroz – 3h13min1s

3º) Willian van Hees / Doris van Hees – 3h24min44s

6º) Marco Túlio Lana / Leonardo Magalhães – 3h44min39s

 

Confira também as notícias da equipe pelo site www.marcotuliolana.com.br.

 

A equipe Lana Racing tem o patrocínio de: Andrade Têxtil, Diamond House e Prime Pneus BF Goodrich. Apoio: Prefeitura de Divinópolis, TKF Artigos Esportivos, Infoex, Coca-Cola, Revista Planeta Off Road, Transcapuxin e Evidência Brindes.

 

Por: Caroline de Paula / AcelerAção Assessoria de Imprensa

16 de Agosto - Segunda-feira - 16:55

Sonho realizado. Essa é a sensação do piloto James Guidi Carvalho ao faturar o segundo lugar da categoria Experi­ence Motos neste sábado, dia 14, na 4ª etapa do Sertões que saiu do Goiás e chegou ao Tocantins, na cidade de Dianápolis. Foram os últimos quilômetros percorridos pelo piloto mineiro da moto KTM EXC 450 e a vontade era de continuar: “A prova foi longa, com 514 quilômetros no total e muita poeira com pedras submersas. O trecho era rápi­do, mas me sinto bem fisicamente e se fosse pra largar neste domingo eu largaria”, conta animado. Na etapa 4, Ja­mes chegou a vencer, ficando em primeiro lugar, mas no acumulado sua diferença para o campeão Danilo Silva foi de 1h38min.

 

Os competidores do Sertões Experience percorreram 1.579km dos 4.486km do total do Sertões. A categoria é aberta para iniciantes no segundo maior rali do mundo, onde a Lana Racing em 2009 faturou o terceiro lugar com a Mitsubi­shi Pajero TR4-R. A oportunidade que chegou ao piloto de enduros o fez se apaixonar pelo cross country e planejar novas provas: “Já deu pra sentir um pouco como é o Sertões e no ano que vem pretendo vir e fazer o rali completo, os dez dias. Não me desgastei muito fisicamente, mas da próxima virei mais bem preparado. Vou continuar acompa­nhando a equipe até Fortaleza/CE para sentir mais de perto outras dificuldades, como o Jalapão e a maratona. Que­ro disputar mais provas cross country neste ano e ir me preparando. Só tenho a agradecer o convite do meu amigo Marco Túlio Lana e à Lana Racing pela preparação da moto, que foi impecável. Valeu a experiência!”, comemora James.

 

Carros

 

Na categoria Production T2 a briga continua para a Lana Racing. O piloto Marco Túlio Lana e o navegador Leonardo Magalhães largaram bem neste sábado, ultrapassando cinco carros no início da especial que chegou ao Tocantins, mas imprevistos atrapalharam o ritmo da dupla: “A pista era rápida, com piçarras e pedras e vínhamos numa tocada veloz. Porém no km 80, a TR4-r ferveu. Subimos no topo de uma serra, esperamos o carro esfriar, completamos a água e tocamos pra frente. Íamos parar num estradão para a chegada do nosso apoio rápido, mas como o carro não apresentou nada, continuei, mas em ritmo um pouco mais lento, pra chegar ao final”, relata o piloto. A dupla chegou na 6ª posição da categoria, com 3h53min29s de rali.

 

O entrosamento dos mineiros está dando certo e a estratégia neste domingo, dia 15, é arriscar, pisar um pouco mais e recuperar posições. Marco Túlio Lana está satisfeito com o desempenho da equipe na preparação do carro e com a afinidade que conseguiu com seu navegador: “O Leo está sendo muito preciso e estamos indo na mesma sintonia. A TR4-R está ótima e me surpreendendo. Agora é correr pra recuperar tempo”, finaliza.

 

O 18º Rally Internacional dos Sertões entra em sua metade neste domingo, na etapa 5. Os competidores partem de Dianápolis e seguem para Palmas, capital do Tocantins. Serão 455 quilômetros no total, sendo 209 de trecho crono­metrado e 246 de deslocamentos.

 

Confira os resultados da etapa 4 e acumulados até agora (extra-oficiais):

 

Resultados 4ª etapa

 

Experience Motos

 

1º) James Guidi Carvalho – 4h28min33s

2º) Danilo Silva Fonseca Gomes – 4h52min56s

3º) Eduardo Henrique da Silva Frauzino – 5h1min8s

 

T2 Carros

 

1º) Vitor Fischer / Daniel Queiroz – 3h18min16s

2º) Marcus Kffuri / Rodrigo Rocha – 3h20min49s

3º) Ivan Machado Terni / Fausto Dallape – 3h23min25s

6º) Marco Túlio Lana / Leonardo Magalhães – 3h53min29s

 

Acumulado após quatro etapas:

 

Experience Motos - Final

 

1º) Danilo Silva Fonseca Gomes – 15h00min8s

2º) James Guidi Carvalho – 16h38min57s

3º) Eduardo Henrique da Silva Frauzino – 22h30min31s

 

 

T2 Carros

 

1º) Vitor Fischer / Daniel Queiroz – 12h00min6s

2º) Marcus Kffuri / Rodrigo Rocha – 12h39min41s

3º) Ivan Machado Terni / Fausto Dallape – 12h55min3s

6º) Marco Túlio Lana / Leonardo Magalhães – 14h30min12s

 

 

Confira também as notícias da equipe pelo site www.marcotuliolana.com.br.

 

A equipe Lana Racing tem o patrocínio de: Andrade Têxtil, Diamond House e Prime Pneus BF Goodrich. Apoio: Pre­feitura de Divinópolis, TKF Artigos Esportivos, Infoex, Coca-Cola, Revista Planeta Off Road, Transcapuxin e Evidên­cia Brindes.

 

Por: Caroline de Paula / AcelerAção Assessoria de Imprensa

14 de Agosto - Sábado - 13:03


 



Um dia de muitas pedras no caminho da Lana Racing. A 3ª etapa do 18º Rally Internacional dos Sertões, que saiu de Unaí/MG e chegou em Alto Paraíso de Goiás/GO, teve 416 quilômetros, sendo que 220 eram da especial (trecho cronometrado). Os competidores mineiros tiveram um dia difícil, com muito trial, pe¬dras, serras e pó. Ao completar a especial, a sensação era de superação: “A prova foi muito puxada e saí¬mos com o intuito de completar e não arriscar muito, até pra não quebrar o carro. Era muita poeira densa, que não dissipava, fora as pedras nos deslocamentos. Mas graças a Deus conseguimos e a TR4-R está intacta, pronta pra largar neste sábado”, conta o piloto Mineiro Marco Túlio Lana. Ele e seu navegador, Le¬onardo Magalhães, chegaram na 7ª posição da T2 e na classificação após três etapas estão em 5º. A du¬pla completou a prova em 4h32min36s.

Nas motos, a equipe Lana Racing passou um susto nesta sexta-feira. James Guidi Carvalho se machucou após um tombo com a moto, mas conseguiu cruzar a linha de chegada com muita garra: “A prova foi muito difícil, principalmente os deslocamentos, com pedras demais. Eu me machuquei em um mata-burro com vão central. Estava passando por ele, quando a roda traseira caiu dentro do buraco e eu voei pra frente da moto. Naquele momento achei que o mundial tinha terminado pra mim, mas montei na moto, mesmo ma¬chucado, e vim na raça. Sábado é o último dia da minha categoria e vou continuar com a tocada de sem¬pre, pra finalizar”. James chegou em 2º na especial 3 e está na vice liderança da Experience Motos. A dis¬tância para o primeiro é grande e o propósito do piloto neste último dia é administrar a colocação.

A Lana Racing começa a largar para a etapa 4 no meio da manhã deste sábado, dia 14, primeiro a moto e em seguida o carro. O 18º Rally Internacional dos Sertões sairá do Goiás e entra no Tocantins, de Alto Pa¬raíso de Goiás a Dianópolis. Serão 514 quilômetros no total, sendo 240 da especial e 272 de deslocamen¬tos.

Confira como foram os resultados da etapa 3 e o acumulado (ambos extra-oficiais):

Resultados 3ª etapa

Experience Motos

1º) Danilo Silva Fonseca Gomes – 4h13min58s
2º) James Guidi Carvalho – 5h29min26s
3º) Eduardo Henrique da Silva Frauzino – 6h30min0s

T2 Carros

1º) Vitor Fischer / Daniel Queiroz – 3h14min53s
2º) Marcus Kffuri / Rodrigo Rocha – 3h22min13s
3º) Ivan Machado Terni / Fausto Dallape – 3h29min40s
7º) Marco Túlio Lana / Leonardo Magalhães – 4h32min36s

Acumulado após três etapas:

Experience Motos

1º) Danilo Silva Fonseca Gomes – 5h26min50s
2º) James Guidi Carvalho – 12h10min24s
3º) Eduardo Henrique da Silva Frauzino – 16h19min23s


T2 Carros

1º) Vitor Fischer / Daniel Queiroz – 8h41min49s
2º) Marcus Kffuri / Rodrigo Rocha – 9h16min16s
3º) Ivan Machado Terni / Fausto Dallape – 9h23min24s
4º) Willen Van Hees / Doris Van Hees – 9h51min36s
5º) Marco Túlio Lana / Leonardo Magalhães – 10h36min42s


Confira também as notícias da equipe pelo site www.marcotuliolana.com.br.

A equipe Lana Racing tem o patrocínio de: Andrade Têxtil, Diamond House e Prime Pneus BF Goodrich. Apoio: Prefeitura de Divinópolis, TKF Artigos Esportivos, Infoex, Coca-Cola, Revista Planeta Off Road, Transcapuxin e Evidência Brindes.

Por: Caroline de Paula / AcelerAção Assessoria de Imprensa
Fotos: Alex Rayol