Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Democratização

Mercado reúne alta gastronomia em mesas comunitárias

Com investimento de R$ 8 milhões, espaço em Nova Lima será inaugurado nesta quinta-feira (8); estandes temáticos servem pratos de restaurantes

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
da boca. mercado da boca. daboca
Mercado da Boca funcionará no Jardim Canadá e terá cerca de 30 estandes com diferentes opções de cardápio
PUBLICADO EM 08/03/18 - 03h00

Minas Gerais ganha hoje um novo espaço dedicado a experiências gastronômicas. Inspirado nos “food halls” internacionais, o Mercado da Boca vai reunir em um único local cerca de 30 estandes temáticos com diferentes opções de cardápio para os amantes da alta gastronomia.

Localizado no Jardim Canadá, em Nova Lima, na região metropolitana de Belo Horizonte, o Da Boca foi inspirado nos grandes mercados gastronômicos urbanos de importantes cidades da Europa, como Lisboa, Amsterdã e Madri. Para abertura do espaço, de 4.000 m², foram investidos cerca de R$ 8 milhões.

O espaço no Brasil foi idealizado desde 2015 por seis sócios mineiros, que têm expertise nesse tipo de empreendimento e são apaixonados por viagens e gastronomia. “Esses mercados sempre oferecem um ambiente agradável e descontraído para comer, beber e conhecer mais sobre a cultura local. Pensando nisso e conversando sobre o assunto, concluímos que era preciso trazer a vivência para cá”, afirma um dos criadores, Lucas Vereza.

Os estabelecimentos vão ser comandados por chefs que já são referências em suas especialidades. “A proposta do Da Boca é oferecer comida de qualidade com preço mais acessível que nos restaurantes. A ideia é que tudo seja bem democrático, como as mesas comunitárias, mas sem perder a qualidade dos serviços”, comenta o sócio Renato Guerra, empreendedor do segmento de shopping center.

Serviço. O Mercado da Boca terá opções de comida mexicana, italiana, francesa, natural, hamburgueria artesanal, adega de vinhos, bar de gim, cervejas artesanais e cachaça. O espaço fica na avenida Toronto, 156, no Jardim Canadá, em Nova Lima, e irá funcionar de quinta-feira a domingo, em horários variados.

FOTO: BS Fotografias/divulgação
da boca, daboca
Comida produzida nos estandes é consumida em grandes mesas coletivas no espaço

Chefs renomados integram o time

O Mercado da Boca conta com parcerias de renome da culinária internacional em Belo Horizonte, como os chefs Flavio Trombino, Fred Trindade, Ivo Faria, Rodrigo Zarife e o francês Emmanuel Ruz, dono de uma estrela Michelin, que dão o próprio nome às suas operações.

Há 14 no Brasil, o chef português Cristóvão Laruça é responsável pela operação Tasca Lusitana. “Eu conheço o Mercado da Ribeira, em Portugal, e tenho certeza que o Da Boca será um sucesso. Vai ser, além de referência gastronômica, ponto turístico não só em Minas Gerais mas em todo o Brasil”, comenta. Seu espaço teve investimento de cerca de R$ 60 mil.

A cozinha mexicana será representada pelas irmãs Rafaela e Carla Assumpção, que comandam o Morada Mexicana. Com investimento de aproximadamente R$ 10 mil em equipamentos e decoração, as irmãs vão reproduzir um pouco do cardápio que servem em restaurante na Savassi. “Estamos otimistas por ser um empreendimento totalmente diferenciado aqui em Minas Gerais”, dizem.

O que achou deste artigo?
Fechar

Democratização

Mercado reúne alta gastronomia em mesas comunitárias
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório

comentários (1)

Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter