Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Governo

Equipe do Partido Novo espera decreto para iniciar transição

O objetivo do grupo de transição é repassar à nova equipe de governo informações sobre a situação real do Estado

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Mateus Simões
Mateus Simões comanda a equipe de transição do novo governo
PUBLICADO EM 31/10/18 - 03h00

O vereador de Belo Horizonte Mateus Simões (Novo), anunciado como coordenador da equipe de transição do governador de Minas eleito, Romeu Zema, afirmou nessa terça-feira (30) que espera que o decreto de instituição da equipe de transição de governo, formada também por membros da equipe de Fernando Pimentel (PT), seja enviado para publicação na segunda-feira. Simões disse que tem conversado com os secretários Marco Antônio Rezende (Casa Civil e Relações Institucionais) e Helvécio Magalhães (Planejamento e Gestão).

“Os nomes do Novo já estão definidos e, em um primeiro momento, teremos, contando comigo, quatro membros. Entretanto, a expectativa é que a equipe cresça no decorrer dos trabalhos”, disse. Simões explicou ainda que o governo já informou ter espaços disponíveis para que o grupo trabalhe. Do outro lado, segundo a Secretaria de Estado da Casa Civil e Relações Institucionais, Pimentel aguarda uma sinalização de Zema para a publicação do decreto. De acordo com a Lei Estadual 19.434, de 2011, o petista tem até dez dias após o resultado da eleição para fazer a publicação. O prazo se encerra em 7 de novembro. O objetivo do grupo de transição é repassar à nova equipe de governo informações sobre a situação real do Estado. Para 2019, Minas Gerais tem um déficit previsto de R$ 11,4 bilhões. Apesar disso, em declarações recentes, Zema disse temer que o déficit real seja ainda maior.

O que achou deste artigo?
Fechar

Governo

Equipe do Partido Novo espera decreto para iniciar transição
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório

Comentários (3)

Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter