Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Clima de desespero

Exército distribui água para população em Governador Valadares

São quatro garrafas de 1,5 litros por pessoa; fila de moradores está com mais de 300 metros e dando uma volta no quarteirão

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
PUBLICADO EM 13/11/15 - 10h52

Em Governador Valadares, na região do Rio Doce, a situação da água fica cada vez mais critica. Com o abastecimento interrompido desde o fim de semana passada, a maioria das pessoas já está com o estoque no fim e não há água nem para beber. Para tentar amenizar a situação, o Exército Brasileiro montou um ponto de distribuição gratuita de água, na praça dos Esportes, no centro da cidade, nesta sexta-feira (13).

O clima é de desespero e as pessoas correm em direção a água. Alguns tentam formar uma fila prioritária, mas muitos acabam ficando de fora.

Para evitar confusões e brigas pela água, o Exército montou um cordão humano na entrada da praça, coordenando a entrada das pessoas. Muitos já estão na fila há quase ias horas e não há garantia que a água será suficiente.

A fila estava rodando o quarteirão com aproximadamente 400 metros. São centenas de pessoas e a entrega é feita pelos militares. Cada pessoa tem direito a quatro garrafas de 1,5L ou um galão de cinco litros. A maioria das pessoas veio com a família inteira, na tentativa de pegar a maior quantidade possível.

"Vim eu, meu marido e todos os meus filhos. Cada um pegou a sua parte e acho que isso não dura nem até o fim do dia de amanhã. Já estamos completamente sem água em casa e não há o que fazer. Ensino meus filhos a economizar e digo que faltará água", conta a operadora de telemarketing Bruna Alves, 30, enquanto saáa da fila.

A entrega da água começou às 6h30 e o carregamento, que era de 25 mil litros acabou antes do almoço. De acordo com o sargento Jeovane Zorzi, foram mobilizados 50 atiradores do tiro de guerra da cidade para a operação. "Vamos continuar com a distribuição nos próximos dias, e um novo carregamento está chegando em vagões da Vale. Tentaremos fazer também em outros pontos da cidade", explica o sargento.

Assista ao vídeo dos repórteres Lincon Zarbietti e Bárbara Ferreira, que acompanham a situação na cidade:

A prefeitura decretou situação de calamidade pública.

Por meio de nota, a Vale informou que disponibilizou quatro vagões-tanque com capacidade total de 260 mil litros de água para buscar água potável em Ipatinga, a 120 quilômetros de Governador Valadares, e ajudar no abastecimento da cidade. Esta iniciativa faz parte de uma série de ações emergenciais que vêm sendo adotadas pela Vale para apoiar a Samarco no esforço de garantir o abastecimento de água no Leste de Minas e no Norte do Espírito Santo, em solidariedade às comunidades afetadas.

Os vagões-tanque estavam previstos para chegar à cidade ainda na noite desta quinta-feira (12). Quatorze outros vagões de carga estão à disposição em diferentes trechos da Estrada de Ferro Vitória a Minas para transportar doações de água para locais onde haja necessidade. Nos próximos dias, vagões com 25 mil litros de água mineral em galões de 5 e de 20 litros comprados pela Vale serão entregues à comunidade de Governador Valadares. A empresa também está prestando apoio à prefeitura do município e à Samarco com a liberação de área de sua faixa de domínio para a construção de uma nova adutora que vai levar água à comunidade.

Em Colatina, Norte do Espírito Santo, a empresa disponibilizou, desde segunda-feira, caminhões-pipa a serviço da Samarco para abastecimento da população. Técnicos de manutenção da Vale também estão apoiando equipes da Samarco e da prefeitura de Colatina na instalação de um equipamento para captação de água em fontes alternativas.

A Vale vem apoiando a Samarco a minimizar os impactos do acidente ocorrido nas barragens de rejeitos no último dia 6 em todas as áreas afetadas. Como acionista da Samarco juntamente com a BHP Billiton, a empresa tem atuado ativamente nas ações para garantir a integridade das pessoas.

Atualizada às 11h19

O que achou deste artigo?
Fechar

Clima de desespero

Exército distribui água para população em Governador Valadares
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório

Comentários (2)

Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter