Recuperar Senha
Fechar
Entrar

ATENÇÃO, MOTORISTAS

Interdição em trecho da Pedro I causa congestionamento em Venda Nova

Avenidas Padre Pedro Pinto e Vilarinhos estão com o tráfego muito lento

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
PUBLICADO EM 07/07/14 - 07h00

Motoristas que usavam a avenida Pedro I para chegar até o centro de Belo Horizonte devem ter muita paciência na manhã desta segunda-feira (7). Por causa do desabamento do viaduto Batalha dos Guararapes, na última quinta-feira (3), um trecho da via está interditado, o que provoca retenções em outras avenidas usadas para desvio.

Existe registro de retenções nas avenidas Padre Pedro Pinto, Vilarinho, Cristiano Machado e nas ruas Doutor Álvaro Camargos e São Pedro do Havaí. Além disso, o trânsito é muito lento na MG-010, que liga o aeroporto de Confins a Belo Horizonte. 

No fim da noite desse domingo (6), o Tribunal de Justiça de Minas Gerais autorizou que a Prefeitura de Belo Horizonte inicie os trabalhos de demolição parcial do viaduto. Porém, não há previsão para liberação da via.

Para informações do trânsito clique aqui.

Opções de desvios:

** Sentido centro de BH: avenida Vilarinho, rua Doutor Álvaro Camargos e rua São Pedro do Havaí

** Sentido aeroporto de Confins: rua Doutor Álvaro Camargos e rua São Pedro do Havaí

O acidente

O viaduto em construção na avenida Pedro I desabou, na altura do bairro São João Batista, na região de Venda Nova, em Belo Horizonte, na tarde de quinta-feira. Duas pessoas morreram e outras 23 ficaram feridas. A queda aconteceu por volta das 15h10.

O viaduto fica próximo ao parque Lagoa do Nado. Além do motorista do Uno, a motorista do ônibus, Hanna Cristina dos Santos, de 24 anos, também morreu. 

 

Atualizada às 09h15

O que achou deste artigo?
Fechar

ATENÇÃO, MOTORISTAS

Interdição em trecho da Pedro I causa congestionamento em Venda Nova
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter