Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Morre o banqueiro Gilberto Faria, que era casado com a mãe de Aécio Neves

Banqueiro estava internado no Hospital Mater Dei desde o dia 25 e foi vítima de insuficiência respiratória causada por pneumonia

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
PUBLICADO EM 01/10/08 - 08h40

Morreu na manhã desta quarta-feira, aos 85 anos, o banqueiro Gilberto de Andrade Faria, padrasto do governador de Minas Gerais, Aécio Neves, e da presidente do Servas, Andréa Neves.

O banqueiro estava internado desde a última quinta-feira, dia 25, no Hospital Mater-Dei, em Belo Horizonte. Segundo a assessoria de imprensa do hospital, Gilberto Faria morreu por insuficiência respiratória causada por pneumonia.

Gilberto de Andrade Faria era casado desde 1984 com Inês Maria de Faria, mãe de Aécio, e foi o fundador e presidente do Banco Bandeirantes. Ele era um dos homens mais ricos do Brasil, segundo a revista Istoé Dinheiro.

Gilberto Faria também já foi deputado federal. O velório será a partir das 13h e o enterro será às 17h desta quarta-feira, no Cemitério do Bonfim.

Atualizada às 09h15 

O que achou deste artigo?
Fechar

Morre o banqueiro Gilberto Faria, que era casado com a mãe de Aécio Neves
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter