Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Cineclube Savassi reabre as portas

Tradicional reduto dos cinéfilos da cidade volta à ativa cheio de ambições e com programação diferenciada

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
PUBLICADO EM 21/11/07 - 17h52

O Cineclube Unibanco Savassi, tradicional reduto da cinefilia belo-horizontina desde sua inauguração, em 1988, na rua Levindo Lopes, vai reabrir as portas amanhã. Em reforma desde julho passado, o espaço volta em grande estilo e com a ambição de novamente ser referência na exibição de filmes fora do grande circuito. "Acreditamos que a programação do Cineclube Savassi deva ser mais dinâmica e pouco pautada na agenda de lançamentos tradicionais", diz Eduardo Cerqueira, um dos sócios-proprietários do lugar.

Ele e o parceiro Anderson Faria investiram R$ 350 mil nas obras de revitalização. "A proposta é mesmo ambiciosa: queremos armar um local de referência para exibição de filmes e realização de eventos culturais, como lançamento de curtas e longas, livros e outros projetos. É para movimentar mesmo", adianta Eduardo.

Três programas especiais vão marcar, de cara, a reinauguração esta semana. O Festival Cineclube traz nove trabalhos inéditos no país vindos dos mais variados países (incluindo Alemanha, República Tcheca e Rússia), com títulos como "Algo como a Felicidade", "A Coragem de Amar" e "Em Busca da Vida".

A retrospectiva da vez é do chinês Wong Kar-Wai, com sete filmes do diretor - entre eles, estão os menos vistos "Anjos Caídos" (1995) e "Felizes Juntos" (1997) e os badalados "Amor à Flor da Pele" (2001) e "2046 - Os Segredos do Amor" (2004). Por fim, a mostra "Viagem em Curtas" tem 31 filmes de pouca duração, a maior parte deles realizada na França e apresentada em festivais do país europeu. "Isso tudo representa o renascimento da idéia original, que era fazer do Savassi um verdadeiro cineclube", complementa Eduardo Cerqueira.

Nas várias novidades do Cineclube Unibanco Savassi, está a sala de exibição. Com novas poltronas, capacidade para 108 pessoas e tela medindo 6 m X 2,55 m, a estrutura conta ainda com projetores para película e para digital, o que vai permitir melhor flexibilidade na programação.

Na tentativa de tornar a tal experiência-cinema mais convidativa, um café também foi montado na parte de fora do Cineclube. O lugar funcionará das 8h até a 1h, com capacidade para 60 pessoas. Por fim, um lounge criado nos fundos vai ser espaço de interação e confraternização em eventos específicos.

O que achou deste artigo?
Fechar

Cineclube Savassi reabre as portas
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter