Recuperar Senha
Fechar
Entrar

A.parte

Embaixador dos Estados Unidos é recebido por Vittorio Medioli

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Embaixador
Embaixador dos EUA é recebido na prefeitura Peter Michael e Rita Rico foram recebidos por Medioli
PUBLICADO EM 12/03/18 - 07h29

O embaixador dos Estados Unidos no Brasil, Peter Michael McKinley, esteve pela primeira vez em Betim juntamente com a cônsul dos EUA, Rita Rico. Eles foram recebidos na prefeitura, na tarde de quarta-feira dia 7, pelo prefeito Vittorio Medioli em uma audiência.

Segundo o prefeito, o embaixador se impressionou com os projetos em andamento da cidade, como do aeródromo, os programas de educação e os indicadores econômicos de Betim. “Ele ficou impressionado com a ousadia do aeródromo, que atrairá um grande fluxo de turistas estrangeiros interessados em conhecer o projeto Inhotim. Quis entender como conseguimos tirar um projeto desses do papel em tão pouco tempo durante uma época de muita dificuldade. Ele ainda quis conhecer o que diferencia Betim de outras administrações públicas”, disse.

Durante a reunião, por motivos de segurança, as vias de acessos a prefeitura foram parcialmente interditadas numa operação conjunta da segurança municipal, estadual e federal. Prevista para durar 45 minutos, a visita consumiu mais tempo. “A permanência do embaixador se prolongou por uma hora e meia e abordou a possibilidade de investimentos americanos na cidade. Receber um representante tão importante traz prestígio e chama uma atenção positiva para Betim. Ele reconheceu o interesse da iniciativa privada americana no polo industrial e aeronáutico. Mostramos que além da pista de pouso, foram reservados 1,2 milhão de metros quadrados para atividade em volta da pista, e mais 10 milhões de metros quadrados na região”, destacou.

Medioli esclareceu que outras delegações estrangeiras visitarão o município nas próximas semanas. “Não serão apenas representantes dos Estados Unidos, mas também deveremos receber delegações da Itália e da China. Já recebi também uma grande empresa japonesa que estuda se implantar aqui. Isso é importante para a cidade, estreitar relações com o mundo. O nome Inhotim, conhecido no mundo inteiro, serviu a reforçar o interesse internacional. Estamos qualificando a região para receber investimentos de turismo e de alta tecnologia e valor agregado que resultarão em receitas publicas, empregos e progresso, melhorando a qualidade de vida das pessoas”.

Em campanha

O ex-presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) Dinis Pinheiro, que pode ser candidato ao governo de Minas Gerais ou ao Senado, participou no último sábado do 10º Congresso Estadual do PPS. Aos integrantes da legenda, ele afirmou que os ocupantes de cargos públicos não podem mais errar. Após ser apontado como pré-candidato ao governo, Dinis passou a conversar com o ex-prefeito Marcio Lacerda e, especula-se, pode acabar lançando seu nome ao Senado na chapa do candidato do PSB. No evento do PPS, para onde foi seu ex-colega de PP e aliado Alberto Pinto Coelho, Dinis Pinheiro vestia uma camisa laranja, cor de seu provável futuro partido, o Solidariedade. Cogita-se que o PPS também possa apoiar Marcio Lacerda.

R$ 450 mi

É quanto a operação Lava Jato no Rio de Janeiro já recuperou em recursos desviados por esquemas de corrupção. Parte deste dinheiro será utilizada na segurança pública. Em 2017, R$ 250 milhões foram usados para quitar o 13º salário de 2016 de 140 mil servidores aposentados. Outros R$ 15 milhões serão utilizados em reformas de escolas.

Zema será lançado

As peças do tabuleiro da disputa ao governo de Minas Gerais nas eleições deste ano estão, ao poucos, sendo colocadas em jogo. Hoje, o partido Novo vai lançar oficialmente a pré-candidatura do empresário Romeu Zema ao comando do Estado. O evento vai ser realizado em uma churrascaria da região Centro-Sul da capital mineira. O encontro também vai contar com a presença do pré-candidato da legenda à Presidência, João Amoedo, do vereador de Belo Horizonte Mateus Simões e do humorista, que participou do extinto Casseta & Planeta, Marcelo Madureira. O Novo tem como meta eleger no pleito deste ano o total de 35 deputados federais. Aqueles que vão participar do encontro e querem contribuir com o partido, que não utiliza o dinheiro do Fundo Partidário, podem doar de R$ 50 a R$ 10 mil.

Frase

“A minha candidatura vai decolar. Pode escrever aí. Não tem plano B. Pode escrever aí, eu tô no segundo turno com certeza. A minha candidatura quer representar um projeto para o futuro.”

Rodrigo Maia (DEM)
Presidente da Câmara e pré-candidato à Presidência da República

Aliança petista

O PT em Minas Gerais negocia atualmente com cerca de 15 partidos em prol da pré-candidatura do governador Fernando Pimentel à reeleição nas eleições deste ano. Articuladores desse núcleo político já dão como certa aliança com MDB, PCdoB, PRB e PSDC. O posto de vice e uma vaga no Senado, inclusive, já foram oferecidos para dois emedebistas: o presidente da Assembleia Legislativa de Minas, Adalclever Lopes, e o vice-presidente da Câmara dos Deputados, Fábio Ramalho. Segundo uma fonte petista, as conversas estão caminhando com PTC, PROS, PV, PR, PMN, PSC e PHS. O governador também tenta atrair para o seu lado PDT e PSD. Mas essas siglas, no momento, estão mais próximas de fechar com o ex-prefeito de Belo Horizonte e pré-candidato ao comando do Estado pelo PSB, Marcio Lacerda.

O que achou deste artigo?
Fechar

A.parte

Embaixador dos Estados Unidos é recebido por Vittorio Medioli
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório

comentários (1)

Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter