Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Sem tímpanos

Aedes pode ‘ouvir’ a até 10 m

A distância é maior do que os pesquisadores suspeitavam

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Capturar.JPG
O Aedes aegypti transmite dengue, zika vírus e chikungunya
PUBLICADO EM 12/02/19 - 03h00

Washington, EUA. Pesquisadores da Universidade Cornell e Binghamton, nos Estados Unidos, afirmam que os mosquitos podem perceber sons em até 10 m, uma distância maior do que se suspeitava. O estudo foi publicado na revista “Current Biology”.

Até então, cientistas acreditavam que os organismos vivos precisavam de tímpanos para a audição de longo alcance e que as antenas com pelos finos de mosquitos e alguns insetos só funcionavam em distâncias próximas (estimada em centímetros).

Uma série de experimentos forneceu evidências neurofisiológicas e comportamentais de que os mosquitos Aedes aegypti – que transmitem doenças como febre amarela, dengue, zika, vírus do Nilo Ocidental e chikungunya – podem “ouvir” frequências específicas a até 10 m de distância.

Essas frequências se sobrepunham às frequências de mosquitos fêmeas em voo, assim como na fala humana. “Os mosquitos machos são atraídos pelo som das asas batendo da fêmea’, explicou Ron Hoy, professor de neurobiologia na Cornell.

O que achou deste artigo?
Fechar

Sem tímpanos

Aedes pode ‘ouvir’ a até 10 m
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter