Circuito

Mulheres do Morro do Papagaio encenam espetáculo gratuito em Betim

Montagem estará em cartaz, neste domingo (16), às 16h, e traz relatos da vida de atrizes da comunidade

Peça é uma remontagem do espetáculo, criado em 2014
PUBLICADO EM 13/06/19 - 17h13

Depois de curtir o projeto “Funarbe na Praça” pela manhã, os betinenses poderão assistir também gratuitamente, às 16h, na Praça Milton Campos, e peça “Quando eu vim para um Belo Horizonte”, por meio do Circuito Instituto Unimed-BH.

A peça é uma remontagem do espetáculo, que foi criado em 2014 a partir da oficina do grupo Teatro Entre Elas, promovido pela Casa do Beco, uma instituição que se dedica a transformar a vida das pessoas através da arte e atua na comunidade do Morro do Papagaio, em Belo Horizonte. 
A nova montagem é construída através dos depoimentos de mulheres maduras que vivem nas comunidades do Papagaio e Alto Vera Cruz. Na nova versão, 15 mulheres se revezam no palco para dar vida as personagens Cotinha, Gertrudes, Mariana, Amélia e Jussara. Elas mesclam sonho e realidade ao narrar memórias das experiências reais das atrizes, desde a infância até a vida adulta.

“A primeira versão da peça tinha oito senhoras que relatavam a experiência de vida delas até chegar em BH. Mas, como o projeto ganhou a presença de mais senhoras, vimos a necessidade de dar visibilidade às novatas. Fizemos a remontagem, que hoje conta com a atuação de 15 senhoras. Além de relatar a vida delas, buscamos mostrar na peça sobre o valor de se morar na periferia e mostrar como é viver em uma comunidade”, explicou Liliane Alves, diretora da peça junto Nil César.

 

LEIA MAIS
Fatalidade
Um ano depois
Saúde
Negócios
Alerta
Betim
Em Betim
Oficial