Luiz Tito

Luiz Tito escreve de segunda a sábado em O TEMPO

França

Em Paris

Publicado em: Sáb, 16/10/21 - 04h00

O fato foi narrado pelo jornalista mineiro Pedro Rogério Couto Moreira, filho do saudoso escritor e ex-presidente da Academia Mineira de Letras Vivaldi Moreira. O embaixador brasileiro Felipe Fortuna estava em Paris, quando, no quartier Saint-Germain-des-Prés parou numa banca para comprar um jornal. O jornaleiro que atendia era um senhor de cabelos e barba grandes e grisalhos, a quem o embaixador Fortuna se dirigiu, dizendo, em francês: “o senhor se parece muito com uma pessoa conhecida no meu país”. O jornaleiro respondeu, também em francês: “Qual é o seu país?”, ao que o embaixador respondeu: “Brasil”. “Qual é o nome da pessoa?”, indagou o jornaleiro. “Eros Grau”, disse-lhe Fortuna. O jornaleiro, simpaticamente, já em português, arrematou: “Eu sou Eros Grau. Estou aqui porque o dono da banca, meu amigo, precisou ausentar-se para resolver um problema”. Quem reportou o acontecido à coluna foi o desembargador do TJMG Rogério Medeiros.

---

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo mineiro, profissional e de qualidade. Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar.

Siga O TEMPO no Facebook, no Twitter e no Instagram. Ajude a aumentar a nossa comunidade.

Comentários

Deixe seu comentário
* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso
LEIA MAIS