Roberto Abras

Em mata-mata, o espírito é outro
Publicado em: Ter, 17/09/19 - 03h00

Inegável que a derrota em casa para os reservas do Internacional no último domingo pelo Campeonato Brasileiro foi um balde de água fria nos torcedores do Galo. Mas quinta-feira é outra competição. É mata-mata e o espírito é outro. Admito que o time caiu muito de rendimento nos últimos jogos, mas acho que dá para a gente confiar numa boa apresentação contra o Colón, na Argentina, depois de amanhã, pela Sul-Americana. Rodrigo Santana já adiantou que Di Santo deve ser titular. A mudança do treinador não é só pela fase ruim do Ricardo Oliveira. Natural de Mendoza, o atacante conhece bastante o futebol argentino, apesar de nunca ter defendido um clube do seu país. Mas ele sabe das dificuldades de se jogar lá. A experiência de Di Santo será fundamental contra a catimba dos conterrâneos. Complicar um jogo é com eles mesmo. Não pode entrar na pilha. Além do mais, nos dois jogos que fez pelo Atlético, o argentino mostrou qualidade. Ainda falta um pouco de ritmo e entrosamento para o atacante, o que é natural para quem está chegando. Um abraço!

Comentários

Deixe seu comentário
* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso
Leia mais
LEIA MAIS
Roberto Abras
Artur Moraes
Roberto Abras
Roberto Abras
Roberto Abras
Roberto Abras
Roberto Abras
Explode o coração alvinegro de alegria