Opinião

Goleado na Câmara, governo olha as ruas

O volume das manifestações em defesa das universidades vai dar uma ideia do tamanho do problema a ser enfrentado

Qua, 15/05/19 - 09h09

Goleado de novo ontem na Câmara dos Deputados, quando viu o plenário aprovar com 307 votos contra 82 a convocação do ministro da Educação Abraham Weintraub para prestar esclarecimentos, o governo federal acorda hoje de olho nas ruas. O volume das manifestações em defesa das universidades vai dar uma ideia do tamanho do problema a ser enfrentado.

Não é segredo para ninguém que Bolsonaro hoje goza de péssimo conceito entre os parlamentares. Eles não engolem os discursos do presidente e de seus aliados próximos contra o que chamam de velha política. Por isso, fazem uma série de retaliações, mas sempre com um pé atrás, por conta da força popular de Bolsonaro.

Se as manifestações em defesa da educação mostrarem fôlego suficiente para abalar a imagem de prestígio do presidente, pode estar aberto aí um caminho sem volta. Basta lembrar dos caras pintadas contra Collor, e das manifestações de 2013 e que culminaram no impeachment de Dilma Rousseff alguns anos depois.

Tais manifestações têm efeitos imprevisíveis. Na dúvida, para um governo, é melhor evitá-las. O ministro da Educação, porém, não teve sensibilidade política para lidar com as graves consequências de um contingenciamento nas verbas discricionárias da educação superior. Ontem, houve rumores de que o governo havia recuado. Até o momento em que essa coluna era gravada, desmentidos. Agora, o governo precisa ficar na torcida para que a oposição, os movimentos estudantis e os sindicatos não consigam se articular suficientemente para fazer barulho.

Se o governo sair dessa sem arranhões vai ser mais por incompetência de seus adversários do que por qualquer mérito de sua conduta em um assunto tão delicado.

Ouça o comentário do editor de Política Ricardo Corrêa:

Carregando...

Podcasts Relacionados

(13) comentários

Deixe seu comentário
* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso
Marcelo Santos 10:17 AM May 16, 2019
Pago imposto para que um aluno tenha ensino de qualidade. E não pra pseudo intelectual tem verba pra doutoradoe mestrado em que os temas, na sua grande maioria, são recheados de frivolidades, que não acrescentará em nada para o futuro. Acessem a biblioteca digital de monografias e teses e tirem suas conclusões. Tem que ter corte sim.
6
Denunciar

Marcelo Santos 9:46 AM May 16, 2019
Jornalistas que não criam notícias, mas doutrinam. Estudantes que não estudam. Educadores que não tem educação. Trabalhadores que não trabalham. Universitários que só sabem fazer pesquisa em google... aprenderam só lixo esquerdista no curso... passaram boa parte do curso em momento de "recreação" (recreação= usando drogas). Galera fruto de geração floco de neve, mimizenta, que teve e tem tudo, menos vontade de trabalhar. tribos de fanáticos acéfalos, anarquistas, depredadores. transformaram as UF num chiqueiro intelectual. Além de diminuir a verba da mamata de vcs, tinham que renovar todo o corpo docente e discente. Expulsar vocês da universidade, liberar vagas para quem é contra essa ideologia falida que infectou o mundo acadêmico e vai atrasar o país 50 anos. A educação nas instituições federais já está falida há mais de 15 anos. Vocês fizeram isto, apoiando um governo parasita que sugou o país. É pra isto que meu imposto serve? E por falar em impostos, vocês trabalham? Precisam pagar impostos pra gerar receita!! Tá ruim? Vão pra Cuba. Vão trabalhar. Manifestem num final de semana. Quem faz manifestação em meio de semana é gente à toa prejudicando a maioria que trabalha.
7
Denunciar

Lucas 11:34 PM May 15, 2019
E falando nessa quadrilha, acaba de sair a primeira notícia em relação à quebra do sigilo bancário do Flavinho: MP aponta indícios de ‘organização criminosa’ em gabinete de Flávio Bolsonaro desde 2007. Imaginem se abrirem o do pai, que além de também estar ligado às milícias está na politica há quase trinta anos e já falou até em entrevista que "sonega tudo que puder".
25
Denunciar

Kakakakaka!!! 10:16 PM May 15, 2019
Hahahahaha!!! Morrendo de rir dos “cidadãos de bem” fazendo justificativas do injustificável. Organizem passeatas com patos e camisas da cbf ara apoiar. bozo! Tirem as panelas daquele lugar e vão para as varandas gourmet gritar “fora universidades!”. Sejam felizes no seio do cinismo espontâneo e da ignorância. consentida!
25
Denunciar

Psi Soares 6:32 PM May 15, 2019
Pois e nobre colunista. Qto mais a mídia de centro esquerda destila sua opinião vilipendiosa e alarmista contra uma tentativa de mudança de um pais contaminado por setores de uma oligarquia perversa,mais o governo ira mostrar o que e realmente o pais.O que o sr quer dizer q o governo nao tem bom relacionamento com o congresso? O que quer o congresso?
10
Denunciar

Glewton de Sá Guimarães 6:22 PM May 15, 2019
As ruas estavam com bastante gente. O problema é que o Bolsonaro escolheu mal seus ministros, cada um que abre a boca fala uma merda diferente. Prometeu muito em campanha , que iria acabar com tudo aquilo que todos nós achamos errado, mas tá igualzinho aos outros, tudo farinha do mesmo saco.
25
Denunciar

Kx Pto 1:45 PM May 15, 2019
Este colunista não está sendo imparcial... está parecendo mais um doutrinador..... tenho opinião diferente mas não sou colunista de jornal.....
10
Denunciar

Renato Paulino 10:07 AM May 15, 2019
Passados 4 minutos, pergunto::
7
Denunciar

Renato Paulino 10:02 AM May 15, 2019
Soa, a mim, uma certa dose de parcialidade pelo colunista, ao deparar com o raciocínio desenvolvido pelo mesmo em relação à questão envolvendo o contingenciamento de verbas na Educação. Fosse eu, o colunista, buscaria mais dados para fomentar o meu ponto de vista, tal qual fez o seu colega colunista, Iran Barbosa, na coluna apresentada hoje, intitulada "Partido Futebol Clube: quando os políticos perdem a coerência". Colunista, leia esta coluna e, com certeza, o seu tom crítico será desfeito.
22
Denunciar

Lucas 1:31 PM May 15, 2019
O texto do Iran é baseado numa informação completamente falsa que bastaria ele ir rapidamente ao google para conferir: dizer a mentira de que "não houve protestos quando a Dilma fez cortes na educação em 2015". Houve protestos NO BRASIL INTEIRO.
22
Denunciar

Esteves 10:35 AM May 15, 2019
Ricardo Correa tem razao na Critica que fez. O outro texto tanto agrada quanto critica Esquerda e Direita.
22
Denunciar

Esteves 9:22 AM May 15, 2019
Bolsonaro tem que ficar os 4 anos pq se Tivesse perdido a Eleição possivelmente Eleitores continuariam falando que Brasil nao melhorou por causa dos 17 anos de PT e Esquerda com moralismo nas redes sociais, dança de Impeachment, gente batendo panelas etc.
35
Denunciar

guilherme batista 9:13 AM May 15, 2019
Pelo visto o volume é morto.
16
Denunciar

LEIA MAIS
Opnião
Opinião
Opinião
Opinião
Opinião
Bastidores
Política em Análise
Política em Análise
Política em Análise
Leia mais