Serviço

Estado civil influencia no preço do seguro veicular; entenda

Quem está casado ou em uma união estável tem chances de conseguir preços bem menores do que os divorciados ou solteiros; essencial é pesquisar bem antes de contratar

Sex, 11/10/19 - 03h00
Seguro veicular custa mais caro para pessoas solteiras .FOTO : Michal Jarmoluk / Pixabay

Muita gente não sabe, mas o estado civil influencia – e muito – na hora de contratar um seguro veicular. Quem é casado – tem união estável ou do tipo tico-tico no fubá, mas mora junto – consegue negociar valores menores do que quem está divorciado ou solteiro. A diferença média pode chegar a R$ 400, segundo levantamento feito pela Compara. 

A variação acontece porque, segundo as seguradoras, que tem uma união estável tem menos chances de se deparar com imprevistos. O preço da proteção veicular é calculado em cima de variáveis como, por exemplo, batida ou roubo. 

“De uma maneira geral, pessoas solteiras ou divorciadas possuem um comportamento que aumenta a chance de acontecer algum imprevisto. Os divorciados e solteiros saem mais à noite e em horários de risco. Já os casados, fazem mais programações de dia, na casa de amigos e em casa, deixando o veículo mais seguro”, explica Paulo Marchetti, CEO da Compara.

Ele também alerta, porém, que a norma não é geral, e comparar preços ainda é a melhor forma de obter desconto. “Entre as seguradoras, sempre tem uma que gosta mais de divorciado ou solteiro, por isso a gente brinca que cada ‘panela tem sua tampa’ e, nesse caso, o importante é encontrar aquela que ‘gosta’ mais de você”, finalizou. 

Seguro de mulheres e homens casados pode variar R$ 400

Comparação. Em Belo Horizonte, em média, o seguro veicular para uma mulher solteira, é de R$ 2.690. Se a pessoa for divorciada, esse valor salta para R$ 2.874. Em contrapartida, se o estado civil da contratante for casado, esse mesmo serviço de seguro veicular pode chegar a cerca de R$ 2.432.

Masculino.Considerando o mesmo levantamento, se o seguro veicular for contratado por um homem solteiro, o valor a ser pago, em média, chega a R$ 3.397. Se o cara for divorciado, a proteção é de R$ 3.307. Mas se o contratante for casado, o preço do mesmo serviço é de cerca de R$ 2.988. 

Levantamento de preços foi feito pela Compara 

 

Podcasts Relacionados

Comentários

Deixe seu comentário
* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso
LEIA MAIS
Viral na internet
Lista só cresce
Seria em abril
Cinema
Picapona
Novo modelo
Mercado
Dia da Marmota
Você sabia?
Epidemia na China