15°C | Belo Horizonte, 21/05/2019

Calma

Guga vê exigência da torcida fora do normal e pede paciência

Lateral do Atlético salientou que time conseguiu resultados bons antes de cair diante do Palmeiras, no domingo

Contra o Guarani, Guga fará seu primeiro jogo como titular no Atlético
PUBLICADO EM 14/05/19 - 17h25

O time do Atlético não foi poupado das vaias durante e após a partida contra o Palmeiras, na qual foi derrotado pela primeira vez no Campeonato Brasileiro. Mas o lateral-direito Guga, um dos destaques do time na competição, vê como exagero a reclamação por parte do torcedor atleticano.

Na visão do jogador, o time vinha de bons resultados (quatro vitórias seguidas) e era o líder do Brasileiro, e que a torcida precisa ter paciência com o time.

"Essa exigência (da torcida) eu achei um pouco fora do normal, pelos resultados que tínhamos conquistado nos últimos três jogos. Estou achando a torcida um pouquinho impaciente. Sei que o resultado da Libertadores não foi como gostaríamos, mas temos que pensar para frente, vida que segue, futebol as coisas acontecem muito rápido. E a gente vinha de três vitórias, líder do campeonato. Que essa cobrança possa ter um pouquinho mais de paciência", declarou.

Guga salientou a dificuldade que é encarar o Palmeiras, agora líder e com um elenco recheado de grandes jogadores.

"A equipe está se doando o máximo dentro de campo. Jogo contra o Palmeiras, todo mundo sabe o quanto eles estão investindo. A gente sabe das dificuldades que é jogar contra eles, nos últimos campeonatos ganhando títulos, brigando pelo título. A gente sabe que nesses últimos anos o Palmeiras vem de uma potência muito grande. Por mais que seja na nossa casa, as dificuldades são muito grandes", disse.
Por fim, o lateral reforçou o pedido de união entre torcida e time para que a equipe se torne forte nos próximos confrontos, principalmente, amanhã, contra o Santos, na estreia do time na Copa do Brasil.
 

"A gente sabe que a força do torcedor e muito grande. E quando eles não apoiam do jeito que deveriam apoiar, acaba prejudicando um pouco. Mas isso não é desculpa. A gente tem que demonstrar dentro de campo. Achei que fizemos um grande primeiro tempo. O gol no final do primeiro tempo acabou pesando um pouco. A gente acabou sentindo um pouco. Coisa que não pode acontecer.Temos que correr mais ainda para virar o placar. Mas serve de aprendizado, ainda está no começo do campeonato e ainda tem muita coisa pela frente", finalizou Guga.

comentários (3)

joao marcio pinto correa
NOSSA PACIÊNCIA JÁ ESTÁ NO LIMITE. O CLUBE TEM QUE CONTRATAR JOGADORES DE ALTA CAPACIDADE TÉCNICA E É O QUE O TORCEDOR EXIGE COM TOTAL RAZÃO.
0 2 Denunciar
12:02 PM May 15, 2019

Willer
Olha Guga se você acha que esse timinho que não chuta para gol, que não tem jogadfas planejadas para o ataque,é só na base do cruzamento, está agradando o torcedor tu tá enganado cara. Tanto você quanto o F.Santos falham demais na marcação e hoje se tentarem segurar o empate contra o Santos podem esperar que no jogo de volta vai ser uma lambada de 4 ou mais, já que não temos goleiro e sim um frangueiro, nosso setor defensivo é uma baba e o meio campo também, quanto ao ataque é um setor apagado porque não existe jogadas planejadas de troca de passes e sim uma fome desgraçada para decidir o jogo, o que acaba não dando em nada. Preparem o lombo para o jogo de volta porque o Santos vai colocar esse timinho na roda.
6 2 Denunciar
8:50 AM May 15, 2019

Ninguém
Tirar dinheiro do bolso, pagar cartão Galo na Veia, frequentar trânsito ruim para ver o time do coração, possivelmente briga com torcedor adversário, isso sim que é acima do normal. Vocês que não fazem por merecer o torcedor que praticamente paga parte do salário de vocês.
4 2 Denunciar
10:50 PM May 14, 2019

Enviar Comentário
Leia mais