Saúde

Dia Mundial do Coração e a importância dos cuidados com a saúde cardiovascular

Dia Mundial do Coração é celebrado no dia 29 de setembro com o objetivo conscientizar as pessoas sobre esses casos e disseminar informações

Por O TEMPO
Publicado em 29 de setembro de 2022 | 10:52
 
 
 

O Dia Mundial do Coração é celebrado no dia 29 de setembro. A data foi instituído pela World Heart Federation - WHF (Confederação Mundial do Coração), há 22 anos, com o objetivo conscientizar as pessoas sobre esses casos e disseminar informações sobre os cuidados, riscos e tratamento das doenças cardiovasculares.

Segundo um dado da Sociedade Brasileira de Cardiologia, 14 milhões de brasileiros possuem alguma doença cardíaca e cerca de 400 mil morrem anualmente em decorrência dessas enfermidades, o que corresponde a 30% de todas as mortes no país. 

Os principais fatores de risco são hipertensão, diabetes, níveis elevados de gordura no sangue, histórico familiar, estresse, tabagismo, obesidade, sedentarismo e doenças da tireoide. 

De acordo com a farmacêutica da Drogarias Pacheco, Bruna Diniz Oliveira, para o tratamento de pacientes é essencial o acompanhamento médico adequado. Além disso, ela explica que o profissional de farmácia pode ajudar esses pacientes no monitoramento de alguns dados essenciais. “O farmacêutico está apto a fazer exames simples, como aferir a pressão arterial ou verificar as taxas de glicose. Esses procedimentos auxiliam para a melhor orientação médica e na forma correta de seguir o tratamento mais indicado”, pontua.

Cuidados

O grande desafio para a prevenção e para o tratamento das doenças cardiovasculares é adotar um estilo de vida saudável. Isso inclui uma alimentação balanceada, rica em frutas e verduras, além da prática de atividade física regular. Também é fundamental controlar o consumo de álcool e evitar o fumo para prevenir as doenças cardiovasculares. Afinal, até mesmo o agravamento de quadros causados por herança genética pode estar associado a um estilo de vida sedentário e a hábitos nocivos para a saúde.

A realização de exames periódicos é mais um importante aliado para a prevenção das doenças cardiovasculares, visto que algumas podem ser silenciosas. Assim, torna-se indispensável o acompanhamento de diversos índices e valores no organismo por meio de exames rotineiros para seguir o tratamento médico adequado.

Os exames preventivos para monitoramento do colesterol, por exemplo, devem começar a partir dos 20 anos de idade, com intervalos de cinco anos, para indivíduos sem outros fatores de risco. Já os exames para diagnóstico da hipertensão devem ser realizados anualmente ou conforme frequência solicitada pelo médico. Para quem possui histórico de problemas com colesterol, hipertensão ou outras doenças cardiovasculares na família antes dos 55 anos de idade, o acompanhamento profissional deve ser iniciado na infância.

O que são doenças cardiovasculares OMS?

As doenças cardiovasculares são um grupo de doenças do coração e dos vasos sanguíneos que dificultam ou impedem a boa circulação do sangue no organismo.

Exemplos:

  • Doença cerebrovascular;
  • Doença coronariana;
  • Doença cardíaca reumática;
  • Doença arterial periférica;
  • Cardiopatia congênita;
  • Trombose venosa profunda e embolia pulmonar.



 

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!