Tecnologia

Elon Musk diz que pretende deixar comando do Twitter e já busca substituto

A audiência a qual Musk testemunhava tem relação com o questionamento sobre sua remuneração na Tesla, que chegou a US$ 52,4 bilhões

Por Agências
Publicado em 16 de novembro de 2022 | 18:10
 
 
 

Não faz nem um mês que o empresário Elon Musk assumiu o Twitter, e ele já tem planos de passar o comando da rede social para se dedicar às outras empresas. As informações são do jornal norte-americano Wall Street Journal.

"Espero reduzir meu tempo gasto no Twitter e encontrar outra pessoa para administrar a rede ao longo do tempo", disse Musk durante julgamento envolvendo a Tesla.

A audiência a qual Musk testemunhava tem relação com o questionamento sobre sua remuneração na Tesla, que chegou a US$ 52,4 bilhões. Desde o fim de outubro, Musk tem ocupado boa parte do seu tempo com o Twitter, seja com demissões de funcionários, reunião com anunciantes ou implementação de novos recursos, como o Twitter Blue.

Ainda segundo o jornal, Musk disse que considera fundamental a reestruturação organizacional do Twitter e que espera que este processo seja concluído em breve. Até o momento, metade dos funcionários foram demitidos e, recentemente, mais de 4.000 funcionários terceirizados foram desligados da companhia. Na audiência, Musk também comentou que engenheiros da Tesla estão trabalhando no Twitter. Porém, ele reforçou que a participação deles é voluntária e de curto prazo. (Folhapress)

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!