Apoio

EUA: governo anuncia mais US$ 3,75 bilhões em assistência militar à Ucrânia

Desde o início da guerra, os Estados Unidos já doaram cerca de US$ 24 bilhões em assistência militar para o país

Por Agências
Publicado em 06 de janeiro de 2023 | 21:45
 
 
 

O secretário de Estado americano, Antony Blinken, anunciou nesta sexta-feira um novo pacote de assistência militar dos Estados Unidos em apoio à Ucrânia e outros países europeus afetados pela "guerra brutal da Rússia".

Em nota, Blinken descreveu que o pacote inclui a retirada de US$ 2,85 bilhões dos estoques do Departamento de Defesa para fornecimento imediato à Ucrânia e US$ 225 milhões em financiamento militar para auxiliar na modernização e aumento da capacidade das forças armadas do país. Além disso, US$ 675 milhões serão destinados para financiar aliados europeus a expandir suporte à Ucrânia e complementar doações de equipamentos militares.

Desde o início da guerra, os Estados Unidos já doaram cerca de US$ 24 bilhões em assistência militar para a Ucrânia, informa o comunicado.

Segundo Blinken, as ações devem ser expandidas para abranger também países afetados pela guerra. "Estamos trabalhando com o Congresso e planejamos fornecer US$ 907 milhões adicionais de Financiamento Militar Estrangeiro sob a Lei de Dotações Suplementares da Ucrânia de 2022", relatou o secretário de Estado.

"A Rússia sozinha poderia acabar com esta guerra hoje. Enquanto isso não acontecer, este ano, como nos anos anteriores, e pelo tempo que for necessário, estaremos unidos com a Ucrânia", declarou Blinken.

(Estadão Conteúdo)

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!