indenizações

França reconhece 450 vítimas de violência sexual em congregações católicas

Comissão de Reconhecimento de Reparação (CRR) foi criada no fim de 2021 após um relatório que revelou o alcance dos abusos sexuais

Por Agências
Publicado em 01 de dezembro de 2022 | 15:56
 
 
 
normal

A chamada Comissão de Reconhecimento de Reparação (CRR) reconheceu em um ano 450 vítimas de violência sexual nas congregações católicas na França, das quais 36 obtiveram uma indenização financeira, segundo dados publicados nesta quinta-feira (1º) pelo órgão.

Essa comissão foi criada no fim de 2021 após um relatório que revelou o alcance dos abusos sexuais de menores de idade na igreja católica francesa desde 1950.

Seu objetivo é registrar as solicitações de reparação, econômica ou de outro tipo, das vítimas dentro de institutos ou congregações religiosos e, depois, propor uma mediação entre as partes.

No total, “450 vítimas foram reconhecidas e auxiliadas” por um dos 25 comissários da CRR, de acordo com o comunicado dessa comissão que opera há quase um ano.

O órgão estabeleceu tabelas de reparação que oscilam entre 5.000 e 60.000 euros.

(AFP)
                
 

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!