Escócia

Homem ganha 61 milhões na loteria e não dá nada a filhos: 'terão que trabalhar'

Mickey Carroll, de 40 anos, revelou que gastou toda a fortuna sem se importar com os herdeiros

Por O Tempo
Publicado em 20 de julho de 2023 | 13:50
 
 
 

Aos 19 anos de idade, Mickey Carroll - hoje com 40 anos - ganhou 10 milhões de euros na loteria na Escócia. O dinheiro poderia garantir o sustento dele e de sua família pelo resto das vidas deles. No entanto, ele optou por outro caminho, ficou pobre novamente e não deixou nada para os próprios filhos. 

Conhecido como "Lotto Lout", o homem ganhou a bolada ainda muito novo e decidiu que gastaria o prêmio se divertindo e curtindo a vida. Por isso, parte da fortuna foi investida em festa regadas à cocaína e à prostitutas. 

Dez anos depois, Carroll não tem mais nenhum centavo vindo do milionário prêmio que ganhou, trabalha em uma pedreira em Elgin e mora em um pequeno apartamento de um quarto. 

Em entrevista ao "The Sun", ele revelou que não se arrepende de ter gastado todo o dinheiro como gastou e que também não guardou nenhum centavo para suas duas filhas e três enteadas.

"Não, eu não gostaria de guardar algum dinheiro para as crianças. Meus filhos terão que trabalhar pelo que recebem", confessou. 

Quem, obviamente, não gostou do destino da fortuna foram os herdeiros. "Meus filhos não estão bravos comigo por gastar o dinheiro. Um deles brincou comigo e disse: 'Eu sei onde você gastou todo o dinheiro - cocaína e prostitutas' e eu não pude acreditar. Eu disse 'Como você sabe disso?!' e ela disse 'Duh, a internet'." (Com informações “The Sun”)

 

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!