QUASE FATAL

Homem tem órgão errado removido em cirurgia e processa hospital

George Piano, de 72 anos, quase faleceu após negligência por parte de dois médicos responsáveis pelo caso

Por O TEMPO
Publicado em 13 de novembro de 2023 | 14:46
 
 
 
normal

Um erro médico quase custou a vida de George Piano, 72 anos, em um hospital de Washington, nos EUA. O morador de Lake Forest Park foi diagnosticado com apendicite, mas processo recente revela que, durante a cirurgia, ele teve parte inferior do cólon removido.

O Centro Médico da Universidade de Washington e dois médicos enfrentam processo por negligência médica devido ao acidente, que ocorreu em dezembro do ano passado, mas a ação foi protocolada recentemente. George relata que, em vez de remover o apêndice, foi retirada uma parte inferior do cólon.

"Quando acordei da anestesia, estava com muita dor. Muito pior do que quando fui para o hospital", lembra. Uma tomografia dois dias após a cirurgia revelou que o apêndice ainda estava no corpo do paciente, levando a uma segunda cirurgia para corrigir o erro.

O que aconteceu? 

Os médicos perfuraram o cólon durante a primeira cirurgia, causando vazamento de conteúdo para a cavidade abdominal e complicações sérias. George enfrentou outra cirurgia para reparar o cólon e controlar a infecção, correndo risco de morte.

O cirurgião responsável pela intervenção equivocada, ao visitar George oito dias após o procedimento, mostrou aparente desinteresse pelo estado do paciente. O advogado da vítima, Edward Moore, expressou incredulidade diante do dano causado.

Os cirurgiões Nidhi Udyavar e Paul Herman se tornaram réus no processo que segue em andamento. A Universidade de Medicina de Washington se absteve de comentar sobre o caso, afirmando seu compromisso com o bem-estar dos pacientes.

(Com informações de Page Not Found)

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!