Destruição

Munição cai de aeronave e provoca explosão na Rússia

Acidente causou uma cratera no meio da rua na cidade de Belgorod e feriu duas mulheres

Por Agência
Publicado em 20 de abril de 2023 | 22:00
 
 
 
normal

Um caça deixou cair munição sobre a cidade russa de Belgorod, próxima à fronteira com a Ucrânia, informou o Ministério da Defesa nesta quinta-feira (20), depois que as autoridades locais relataram uma explosão que feriu duas pessoas. A aviação russa sobrevoa Belgorod regularmente desde o início da ofensiva na Ucrânia em fevereiro de 2022.

Na noite desta quinta-feira (20), as autoridades locais relataram uma grande explosão em Belgorod que deixou uma enorme cratera no centro da cidade e feriu duas mulheres.

Vyacheslav Gladkov, governador da região de Belgorod, disse que a explosão provocou uma onda de choque que danificou quatro apartamentos e quatro carros e derrubou postes de energia.

"Houve uma explosão", disse Gladkov em uma mensagem no aplicativo Telegram. Equipes de investigação e representantes do Ministério de Emergências estavam trabalhando no local, acrescentou.

A explosão deixou uma "enorme" cratera com cerca de 20 metros de diâmetro no centro da cidade, explicou.

Tanto Gladkov quanto o prefeito Valentin Demidov postaram fotos dos danos nas redes sociais.

Em um delas, é possível ver vizinhos atordoados e amontoados em frente a um prédio de apartamentos, com uma mulher segurando um cachorro e um caminhão de bombeiros por perto.

Outra fotografia mostra o interior dos apartamentos destruídos pela explosão.

Queda anormal

As autoridades locais não detalharam a causa do incidente, mas o Ministério da Defesa rapidamente divulgou um comunicado explicando que um caça perdeu munição enquanto sobrevoava a cidade.

"Durante um voo do avião Su-34 da força aérea sobre a cidade de Belgorod, ocorreu uma queda anormal de munição", disse o ministério.

O comunicado publicado pelas agências de notícias russas especifica que o incidente ocorreu às 22h15 do horário local (16h15 de Brasília).

Citando informações preliminares, Gladkov disse que uma mulher foi hospitalizada com um ferimento na cabeça e outra foi tratada no local.

A região russa de Belgorod, que faz fronteira com a Ucrânia, é frequentemente atingida por tiros, às vezes fatais, que Moscou atribui à Ucrânia, mas o centro de Belgorod foi atingido apenas algumas vezes.

Em janeiro, o governador Gladkov disse ao presidente russo, Vladimir Putin, que 25 pessoas foram mortas e mais de 90 ficaram feridas na região desde o início da ofensiva.

Em outubro de 2022, um avião Su-34 caiu em um prédio residencial na cidade de Yeysk, no sul, também na fronteira com a Ucrânia, matando 16 pessoas, incluindo sete crianças. (AFP)

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!