guerra

Número de mortos em Gaza sobe para 3.478, afirma Ministério da Saúde do Hamas

Órgão também divulgou que ao menos 471 pessoas morreram no bombardeio de um hospital

Por Agência
Publicado em 18 de outubro de 2023 | 10:12
 
 
 
normal

Pelo menos 3.478 palestinos morreram na Faixa de Gaza desde o início da guerra entre Israel e o Hamas, em 7 de outubro, indicou nesta quarta-feira (18) o Ministério da Saúde, controlado pelo movimento islamita que governa o enclave. O órgão também divulgou que ao menos 471 pessoas morreram no bombardeio de um hospital na Faixa de Gaza.

O movimento islamita palestino Hamas culpa Israel pelo bombardeio, ocorrido na noite de terça-feira no hospital, enquanto Israel acusa a Jihad Islâmica, outra organização islâmica armada em Gaza, que nega o seu envolvimento.

Os ataques totais também deixaram 12.065 feridos, segundo a mesma fonte. Neste momento não está claro se este número inclui as centenas de vítimas causadas pelo bombardeio de um hospital em Gaza na terça-feira. O Hamas culpou Israel pelo ataque, que negou a acusação e acusou a Jihad Islâmica, outro movimento que tem um braço armado na Faixa de Gaza. (AFP) 

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!