Ousadia

Sem braços e pernas, argentino é preso após tentar assaltar mulher deficiente

Polícias narram constragimento no momento da prisão por não saberem como proceder já que não é possível algemá-lo

Por O Tempo
Publicado em 16 de janeiro de 2023 | 20:19
 
 
 
normal

Um homem de 18 anos, que não possui braços e pernas, foi preso nesta sexta-feira (13) em La Plata, Argentina. Ele tentou assaltar uma mulher de 40, não conseguiu e foi pego pela polícia. 

Identificado como Isidro Casanova, o ladrão mora em La Matanza, arredores de Buenos Aires. Ele estava vendendo lenços descartáveis quando viu a mulher, que também é deficiente, ele a empurrou e a jogou no chão. Testemunhas relatam que ele gritou: "Se você não me der o dinheiro, eu vou te matar". 

A ameaça, no entanto, não foi o suficiente para que Isidro completasse o assalto. A vítima conseguiu escapar e ele tentou fugir, andando sobre os joelhos. Porém, devido a restrição de movimentação em decorrência da deficiência, fez com que ele fosse facilmente alcançado pelos policiais. 

Segundo relatos do site "Infobae", os policiais relataram que a prisão foi um momento constrangedor. Eles nunca haviam lidado com situação similar e não sabiam proceder visto que o suspeito não tinha como usar algemas. Um dia após a tentativa de assalto, Isidro foi liberado e vai responder em liberdade. (Com informações de Page Not Found)

 

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!