Novo Balanço

Sobe para 26 número de mortos por tornados e tempestades violentas nos EUA

Violentas tempestades e tornados destruíram casas e comércios em todo o país

Por Agências
Publicado em 02 de abril de 2023 | 14:01
 
 
 
normal

Pelo menos 26 pessoas morreram no sul e centro-oeste dos Estados Unidos devido às violentas tempestades e tornados que destruíram casas e comércios, segundo novo balanço divulgado neste domingo(2).

O estado do Tennessee registrou uma alta de sete para nove mortes em incidentes relacionados a fortes tempestades no condado de McNairy, a leste de Memphis, disse à AFP Maggie Hannan, porta-voz regional da agência de gerenciamento de desastres.

Com isso, o balanço de óbitos no país subiu de 24 para 26.

"Eu podia sentir a casa inteira tremendo", disse Janice Pieterick, cuja casa viu portas e janelas de vidro explodirem quando o tornado atingiu o condado de Lewis. "Todos nós nos aconchegamos", ela confessou.

Essas mortes se somam às 15 nos estados de Arkansas, Mississippi e Alabama, no sul, e em Indiana e illinois, no centro-oeste americano.

Emergência 

No Arkansas, tornados devastadores mataram cinco pessoas, segundo Sarah Huckabee Sanders, governadora deste estado rural do sul, durante uma coletiva de imprensa. No sábado, Sanders declarou estado de emergência geral e mobilizou a Guarda Nacional, após falar com o presidente Joe Biden.

Moradores de Little Rock, a capital do estado, acordaram neste sábado com uma imagem sombria de carros capotados, árvores enormes arrancadas do solo, linhas telefônicas quebradas e casas destruídas.

"Sabemos que muitas pessoas tiveram que se deslocar e estão buscando refúgio", informou o prefeito de Little Rock, Frank Scott Jr.

A cidade de Wynne, no nordeste do estado, está "cortada em duas por danos de leste a oeste", lamentou sua prefeita, Jennifer Hobbs, à CNN.

No vizinho Mississípi, o serviço de gestão de crise relatou uma morte e vários feridos no condado de Pontotoc, ao sul de Memphis.

Um idoso morreu no Alabama quando um tornado atingiu sua casa, disseram as autoridades de Huntsville.

O mau tempo atingiu a costa leste dos EUA no sábado, com tempestades, granizo e ventos fortes que devem continuar no domingo.

Show trágico

No estado de Illinois (centro-leste dos Estados Unidos), as fortes tempestades também provocaram estragos.

Na madrugada de sábado, o desastre atingiu a cidade de Belvidere, Illinois, após uma forte tempestade provocar o desabamento do telhado e parte da fachada do Teatro Apollo durante um show de uma banda de heavy metal.

O chefe dos bombeiros de Belvidere, Shawn Schadle, confirmou uma pessoa morta e 28 feridas no desastre, cinco com lesões graves.

Imagens de televisão mostraram a evacuação de espectadores feridos em macas, enquanto fotos publicadas nas redes sociais mostraram a magnitude dos estragos no local. 

No condado de Crawford, três pessoas morreram devido ao colapso de uma casa, disse o porta-voz do serviço de emergências de Illinois, Kevin Sur.

No estado vizinho de Indiana, três pessoas foram confirmadas como mortas depois que uma tempestade varreu o condado de Sullivan, disseram autoridades citadas pela mídia local.

E em Delaware, uma pessoa morreu devido ao colapso de "uma estrutura" no condado de Sussex, segundo as autoridades.

Rumo ao norte

Na passagem pelo nordeste do país, os mais atingidos foram Ohio e Pensilvânia, quando as tempestades seguiram para o norte. 

“As rajadas de vento máximas podem se aproximar de 60 milhas (100 quilômetros) por hora em grande parte das montanhas Apalaches, no alto vale de Ohio e no Médio Atlântico hoje”, alertou o Sistema Nacional de Meteorologia (NWS) no domingo. 

Também há alerta de tornado e fortes tempestades no estado de Nova York.

Mais de 650.000 residências ainda estavam sem energia no sábado em Ohio, Pensilvânia, Tennessee, Kentucky e Virgínia Ocidental, de acordo com o site Poweroutage.us.

Os tornados, um fenômeno meteorológico tão impressionante quanto difícil de prever, são comuns nos Estados Unidos, especialmente no centro e no sul do país. 

Há uma semana, um tornado atingiu o Mississípi, matando 25 pessoas e causando grandes danos materiais. O presidente Joe Biden visitou o local na sexta-feira. 

Em dezembro de 2021, cerca de 80 pessoas foram mortas por tornados no Kentucky. (AFP)

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!