Tragédia no fundo do mar

Uso frequente do submarino pode ter causado danos no casco e levado à implosão

Os destroços do submarino Titan, que estava desaparecido desde domingo (18), foram localizados; infelizmente, os cinco tripulantes da embarcação perderam a vida

Por O Tempo
Publicado em 22 de junho de 2023 | 23:01
 
 
 

O uso frequente pode ter deformado casco e provocado implosão catastrófica do submarino Titan, que fazia uma expedição e estava a caminho dos destroços do navio Titanic.

Segundo Paulo Sumida, diretor do Instituto de Oceanografia da USP, o submersível já havia mergulhado em diversas profundidades, o que pode ter causado deformações no casco e levado à implosão ao chegar em um ponto de pressão crítica. 

Ele acredita que o submarino tenha implodido logo após perder as comunicações.

A Guarda Costeira dos Estados Unidos confirmou a morte dos passageiros do submarino após os destroços terem sido encontrados e indicarem uma perda de pressão na cabine. 

Estavam a bordo o empresário britânico Hamish Harding; o mergulhador Paul-Henri Nargeolet; o empresário paquistanês Shahzada Dawood e seu filho, Sulaiman Dawood; e o CEO e fundador da OceanGate, Stockton Rush. 

O contra-almirante John Mauger, comandante do Primeiro Distrito da Guarda Costeira, ofereceu suas condolências às famílias dos passageiros. (com informações da CNN)

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!