'Relógio'

Vila na Itália interrompe sinos para não atrapalhar o sono de turistas

Igreja de Pienza não mais conta com badaladas entre meia-noite e 7h; decisão polêmica gera revolta

Por Agências
Publicado em 04 de agosto de 2023 | 09:10
 
 
 

A cidade de Pienza, na região da Toscana, na Itália, tomou recentemente uma decisão inusitada. Após reclamações da rede de hotelaria, as autoridades optaram por interromper as badaladas de um sino entre meia-noite e 7h para não atrapalhar o sono de visitantes.

Prefeito de Pienza, que tem cerca de 2.200 habitantes, Manolo Garosi confirmou que a reclamação partiu de turistas, sobretudo americanos. Ao jornal italiano La Nazione, ele explicou que gerentes de hotéis localizados ao redor da praça vinham recebido reclamações de seus hóspedes, "principalmente dos que chegam do exterior e têm que lidar com a mudança de fuso".

As reivindicações aumentaram devido à forte onda de calor que atinge a Europa. Como muitas pousadas não têm ar-condicionado, muitos visitantes são obrigados a dormir com as janelas abertas para estimular a ventilação de ar. Mas isso torna o som no exterior muito mais alto.

Segundo o prefeito, a decisão anunciada também tem como objetivo reduzir custos com eletricidade. "Muitas localidades em que há sinos no centro histórico têm feito o mesmo", disse.

A população local não parece se importar com nenhum dos argumentos do líder. Alguns habitantes de Pienza relataram até mesmo que vinham tendo dificuldade para dormir depois que o repicar foi interrompido, uma vez que estavam acostumados ao som.

"Nascemos assim. Ouvimos o sino por muitos anos. Aquele repicar era um sinal de vitalidade, fazia-nos companhia. Um incômodo? Para nós, era um prazer. Quando não ouvimos as badaladas, achamos que tratava-se de uma falha temporária", disse um morador da cidade ao La Nazione.

Também de acordo com o jornal, o mecanismo do relógio foi renovado há dois anos, e hoje conta com um temporizador remoto que controla o horário das batidas, assim como a intensidade de seu som.
O relógio é parte do Palácio Municipal de Pienza, estrutura idealizada pelo arquiteto italiano Bernardo Rossellino (1409-1464) e localizada na praça Pio 2. O município detém o status de Patrimônio Mundial da Unesco.

(Folhapress)

 

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!