O Tempo
Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Pandemia

Betim segue sem previsão de volta às aulas presenciais na rede municipal

Segundo a prefeitura, município está seguindo as determinações do governo de Minas, que está com as aulas suspensas por tempo indeterminado

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Suspenso
Escolas de Betim vão ficar sem aulas até o dia 30 de abril por conta da pandemia do coronavírus
PUBLICADO EM 04/08/20 - 14h34

O retorno as aulas presenciais na rede municipal de Betim, na região metropolitana, que estão suspensas desde o dia 18 de março por causa do avanço da pandemia da Covid-19, segue sem previsão. Segundo a prefeitura, a volta do ensino será de acordo com normatização do governo de Minas, que interrompeu as aulas nas escolas estaduais por tempo indeterminado.

“Estamos no pior momento da pandemia. Se ficamos sem aula até agora, não vejo possibilidade de voltar até em setembro. Estamos fazendo atividades retomas, que tem tido grande adesão de alunos. Da parte da prefeitura, estamos fazendo todos os esforços para amenizar este período. Depois deste período, vamos estudar como recuperar este tempo perdido aos estudantes”, disse o prefeito de Betim, Vittorio Medioli, em suas redes sociais na última segunda-feira (3).

Desenvolvimento educacional

Para que o processo de desenvolvimento educacional das crianças e adolescentes não seja totalmente interrompido, a prefeitura vem disponibilizando atividades complementares, por meio do site “Estuda Betim”. Os conteúdos estão organizados de acordo com o ano de estudo e a modalidade de ensino.

Há jogos e brincadeiras para crianças de 4 meses a 5 anos, que podem favorecer momentos de interação lúdica entre pais e crianças; materiais voltados para alunos do 1º ao 9º ano do ensino fundamental; conteúdos para alunos da educação especial e, também, para os alunos da Educação de Jovens e Alunos (EJA).

“Esse conteúdo está ajudando nas atividades que faço em casa com minha filha. Claro que o que gostaríamos é que essa pandemia acabasse e que pudéssemos voltar a nossa vida normal. Mas a segurança das crianças está em primeiro lugar. Temos que pensar no que é melhor para eles”, disse Maísa Silva, 39, mãe de uma menina de 10 anos que estuda na rede municipal de Betim.

Rádio Super

O que achou deste artigo?
Fechar

Pandemia

Betim segue sem previsão de volta às aulas presenciais na rede municipal
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter
Log View