O Tempo
Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Medida

Comerciantes do Mercado Central de Betim terão isenção de 50% no aluguel

Medida anunciada pela prefeitura busca minimizar os impactos causados pela pandemia; clientes também terão desconto no estacionamento a partir da semana que vem

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Ceabe - Mercado Central de Betim
Comerciantes do Ceabe terão isenção no aluguel; clientes terão descontos no estacionamento
PUBLICADO EM 26/06/20 - 18h05

A Prefeitura de Betim, na região metropolitana, anunciou, nesta sexta-feira (26), que os comerciantes do Mercado Central (Ceabe) terão isenção de 50% do valor do aluguel até dezembro deste ano. A medida tem como objetivo reduzir os impactos financeiros causados pela pandemia do novo coronavírus. O município assumiu a gestão do espaço no início de 2018.

Além disso, os lojistas terão gratuidade ao estacionamento durante o mesmo período. A decisão foi anunciada após uma reunião entre representantes dos comerciantes e das secretarias municipais de Governo (Segov) e de Finanças, Planejamento, Gestão, Orçamento e Obras Públicas (Sefplag).

“A isenção de metade do valor do aluguel dos espaços passa a valer a partir de junho, ou seja, serão sete meses. Essa reunião que tivemos foi bem proveitosa porque os representantes dos lojistas perceberam que a prefeitura quer dialogar, entende o problema da população e deles e busca soluções em prol de todos”, disse a secretária municipal de Governo, Bárbara Martins.

A secretária ainda completou que a medida também visa ajudar não só quem está trabalhando, mas os outros lojistas que ainda não conseguiram reabrir suas lojas após a liberação do funcionamento do comércio, com normas de biossegurança que devem ser seguidas pelos responsáveis dos estabelecimentos e pela população. Nessa semana, a prefeitura permitiu a reabertura com o revezamento de atividades não essenciais para reduzir a circulação de pessoas, tentando evitar aglomerações.

“Pretendemos, com essa ação, também contribuir para que os demais lojistas que ainda não reabriram possam retornar com suas atividades. Além disso, é objetivo do município fazer com que as pessoas frequentem o Ceabe, um espaço histórico na cidade, com todos os cuidados que precisamos ter por causa da pandemia”, acrescentou.

Os clientes que forem ao Mercado Central de Betim terão redução de 50% dos valores cobrados pelo uso do estacionamento e dos banheiros. “Quem for ao Ceabe fazer compras ou consumir também será beneficiado com essa medida a partir do dia 1º de julho”, completou a secretária.

Lecy Dias Lopes é comerciante há 35 anos no local e foi uma das representantes dos lojistas na reunião com a prefeitura. Ela disse que a classe ficou satisfeita com as demandas atendidas pela administração municipal.

“Foi excelente esse acordo, e os lojistas estão muito satisfeitos. Com a pandemia, a demanda de clientes caiu muito, ainda mais que precisamos ficar fechados durante um tempo. Reabrimos, cumprindo com todas as medidas de segurança, e fomos buscar um entendimento com o governo para buscar uma solução, e fomos atendidos. Acreditamos que, com essas medidas, teremos mais condições de continuar”, disse. “E não foram ações apenas para nós, comerciantes. Os clientes também foram beneficiados com os descontos de estacionamento e uso de banheiro. Isso é uma maneira de atrai-los também”, finaliza.

Rádio Super

O que achou deste artigo?
Fechar

Medida

Comerciantes do Mercado Central de Betim terão isenção de 50% no aluguel
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter
Log View