O Tempo
Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Legislativo

Mesa Diretora toma posse e diz que manterá cortes na Câmara de Betim

Nova diretoria da Casa prometeu seguir com postura de economia que devolveu à prefeitura R$ 21 milhões em dois anos

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Mesa Diretora
Nova diretoria da Câmara de Betim será o biênio 2019/2020
PUBLICADO EM 10/01/19 - 22h33

Os vereadores assinaram na noite do dia 1º de janeiro o termo de posse da nova Mesa Diretora que vai comandar os trabalhos da Câmara para o biênio 2019-2020. Presidida pelo vereador Klebinho Rezende (PSD), servidor público municipal que está em seu segundo mandato como parlamentar, a nova diretoria é formada ainda pelos vereadores Tiago Santana (PCdoB), como 1º vice-presidente; Elias Araújo (PV), como 2º vice-presidente; Ricardo Lana (PPS), como 1º secretário; e Luiz Conexão, (PDT) como 2º secretário.

Além de apoiadores e amigos dos vereadores, a solenidade de posse, realizada no plenário do Legislativo, contou com a presença de autoridades do Executivo, como o procurador-geral do município e secretário de Governo, Bruno Cypriano, que representou o prefeito de Betim, Vittorio Medioli, no evento. 

Em seu discurso de posse, Klebinho disse que dará continuidade ao trabalho desenvolvido pelo então presidente da Casa, o vereador Léo Contador (DEM). “Nossa capacidade de gestão vai ser testada, porque a gente vem de uma gestão que foi muito boa. Mas também vamos aplicar aqui, da maneira mais saudável e positiva, uma administração com eficiência”, salientou.

Questionado pela reportagem se a nova Mesa Diretoria daria continuidade à postura de economia de custos adotada pelo último presidente, o que culminou com a devolução de mais R$ 21 milhões ao Executivo em dois anos, Klebinho salientou que “os cortes vão continuar”. “As medidas adotadas pelo ex-presidente foram pactuadas e receberam o apoio de todos os 23 vereadores desta Casa. Por isso, digo que vamos continuar com os cortes. Os vereadores estão muito unidos e conscientes de que essas reduções não resolverão os problemas econômicos pelos quais o município está passando, mas ajudarão no investimento de importantes áreas sociais que poderiam ter sido afetadas mais gravemente pela falta de repasses do Estado a Betim. Nesses primeiros dias de gestão, a Mesa Diretora está se inteirando dos contratos, mas posso adiantar que as despesas da Casa já estão bem enxutas”. 

Vereador que compõe a base do governo, o novo presidente também afirmou que pretende continuar com a relação de “parceria” com prefeitura. “O prefeito Vittorio Medioli sempre deu abertura aos vereadores para discutir os projetos do Executivo apresentados nesta Casa. Nesses dois anos, nenhuma proposta entrou no Legislativo para ser votada em caráter de urgência, em cima da hora. Isso, até então, não existia aqui. Essa postura adotada pelo Executivo demonstrou o respeito dele com a Câmara, já que, a partir de então, os vereadores tiveram tempo para avaliar os projetos, que passaram por todas as comissões, para discuti-los da melhor forma”, explicou.

A escolha da nova Mesa Diretora ocorreu no dia 8 de fevereiro de 2018. Apenas uma chapa de inscreveu para a eleição, que aconteceu de forma antecipada. A votação foi aberta, e a escolha foi unânime.

Entrevista - Klebinho Rezende

O que os betinenses podem esperar do novo presidente?

Faremos uma gestão pautada na transparência e na austeridade. Assim como meu antecessor, tentaremos economizar ao máximo, mesmo sabendo que a previsão orçamentária da Câmara para este ano é de R$ 4 milhões a menos que em 2018. Nesses últimos dois anos, tomamos várias medidas de austeridade. Acabamos com a verba indenizatória dos gabinetes, a ajuda de custo com carro e gasolina, economizamos nos gastos com telefonia, aluguel. Enfim, reduzimos os gastos de toda a estrutura da Câmara. Fizemos um grande esforço para devolver verba para a prefeitura, que será aplicada na saúde e educação.

Quais os maiores desafios do Legislativo neste ano?
Além de economizar nos gastos, um grande desafio é completar a informatização do Legislativo. O que estamos levando em consideração para implementar o sistema é o custo do investimento. Com a digitalização, além da redução de despesas, com a diminuição expressiva do uso de papel, agilizaremos os fluxos administrativos da Casa. Estamos analisando as contas para saber a viabilidade da implementação, mas espero que o sistema esteja em pleno funcionamento até 2020. 

Diante da falta de repasses de recursos do governo do Estado a Betim, que já ultrapassam R$ 194,212 milhões, a prefeitura decretou estado de calamidade financeira e adotou várias medidas de contenção de despesas para equilibrar as contas. Como o senhor avalia essas medidas?

Acredito que o prefeito Vittorio Medioli (Podemos) agiu como um gestor público que está preocupado com o erário e, não, em fazer populismo. Se a prefeitura não tivesse tomado uma atitude agora, a situação do município poderia ficar pior e virar uma bola de neve. O que nós (vereadores) vamos fazer para ajudar Betim é continuar com nossa postura de austeridade e de apoio aos projetos que sejam benéficos à população. 

Em 2018, os vereadores aprovaram mudanças no regimento interno da Câmara. Dentre as mudanças está a proibição da reeleição para presidente do Legislativo. O que o senhor achou das alterações?
Essa e as demais mudanças aprovadas no regimento são salutares. É preciso ter alternância de poderes. Isso fortalece, traz melhorias e renovação para uma gestão. 

Nas últimas eleições, Betim não elegeu nenhum deputado estadual nem federal. Como os vereadores pretendem recorrer aos parlamentares de fora para que emendas possam beneficiar a cidade?
Alguns deputados eleitos receberam o apoio de vereadores da cidade. Por isso, estamos cobrando para que eles reivindiquem junto a esses deputados, sobretudo os que tiveram votação representativa em Betim, para que tragam as emendas necessárias para a cidade.
 

 

O que achou deste artigo?
Fechar

Legislativo

Mesa Diretora toma posse e diz que manterá cortes na Câmara de Betim
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter