O Tempo
Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Novidade

Prefeitura de Betim cria canal de denúncias sobre coronavírus

População de Betim poderá denunciar comércio que deveria estar fechado, mas continua funcionando e preços abusivos

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Comunicação
Além de criar um canal de denúncias sobre coronavírus, prefeitura fez uma fiscalização nesta segunda (23) no centro da cidade
PUBLICADO EM 23/03/20 - 16h54

A Prefeitura de Betim, na região metropolitana, criou um canal de denúncias sobre o coronavírus. Através dele, a população pode fazer vários tipos de denúncias, como preço abusivo de produtos e se algum comércio, como bares, restaurantes e academias, que não deveria estar funcionando de acordo com o decreto municipal 42.030, continua aberto.

Para fazer a denúncia, o cidadão pode ligar nos telefones 3512-3453 e 3512-3315 ou pela internet através do e-mail faleouvidoria@betim.mg.gov.br e também pelo site www.betim.mg.gov.br.

Estão proibidos de funcionar bares, restaurantes, casas de shows, salões de danças, casas de eventos, camelódromos, feiras, shopping centers, centros de comércio e galerias de lojas, cinemas e teatros, clubes de serviço e de lazer, academias, centros de ginástica, pistas de caminhadas, clínicas de estética e salões de beleza, parques de diversões, circos, dentre outros.

Poderão continuar funcionando farmácias, supermercados, padarias, agências bancárias, sacolões e demais estabelecimentos que comercializam produtos alimentícios e de saúde, desde que sigam as medidas de higiene determinadas pela prefeitura no decreto.

Após ter recomendado, na última quinta-feira (19), que comércios que favorecem a aglomeração de pessoas suspendessem suas atividades para evitar a proliferação do novo coronavírus (Covid-19), a Prefeitura de Betim, na região metropolitana de BH, decidiu endurecer a medida, determinando que, se esses estabelecimentos não cumprirem a determinação, poderão ter o alvará de funcionamento suspenso ou cassado. Um novo decreto foi publicado no “Órgão Oficial” do município com a determinação.

“Tivemos que apertar as regras porque, se forem tomadas medidas mais severas agora, vamos conseguir preservar boa parte da população. Vamos parar por tempo indeterminado e, quando conseguirmos a possibilidade de reabrir e de garantir de que as pessoas não sejam infectadas, liberaremos o funcionamento”, afirmou o prefeito de Betim, Vittorio Medioli.

Rádio Super

O que achou deste artigo?
Fechar

Novidade

Prefeitura de Betim cria canal de denúncias sobre coronavírus
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter
Log View